Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Resoluções e outros documentos > Resoluções da Camex > RESOLUÇÃO GECEX Nº 150, DE 1º DE FEVEREIRO DE 2021
Início do conteúdo da página

RESOLUÇÃO GECEX Nº 150, DE 1º DE FEVEREIRO DE 2021

Ano: 2021
Número: 150
Link DOU: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-gecex-n-150-de-1-de-fevereiro-de-2021-301855289
Colegiado: Comitê-Executivo de Gestão

 

Altera a Lista de Autopeças não Produzidas, constantes dos Anexos I e II da Resolução nº 23, de 30 de dezembro de 2019, do Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior.

O COMITÊ-EXECUTIVO DE GESTÃO DA CÂMARA DE COMÉRCIO EXTERIOR, no uso da atribuição que lhe confere o art. 7º, incisos IV e V, do Decreto nº 10.044, de 4 de outubro de 2019, e o disposto no Decreto nº 6.500, de 2 de julho de 2008, no Decreto nº 8.278, de 27 de junho de 2014, no Decreto nº 8.797, de 30 de junho de 2016, no Decreto nº 10.343, de 8 de maio de 2020, e na Resolução nº 61, de 23 de junho de 2015, da Câmara de Comércio Exterior, e tendo em vista a deliberação de sua 178ª reunião, ocorrida nos dias 29 de janeiro e 1º de fevereiro de 2021, resolve:

Art. 1º Ficam incluídos no Anexo I da Resolução nº 23, de 30 de dezembro de 2019, do Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior, os Ex-tarifários de autopeças listados no Anexo I desta Resolução.

Art. 2º Ficam incluídos no Anexo II da Resolução nº 23, de 2019, do Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior, os Ex-Tarifários de autopeças grafadas como Bens de Capital - BK ou Bens de Informáticas e Telecomunicações - BIT, listados no Anexo II desta Resolução.

Art. 3º Ficam excluídas do Anexo I da Resolução nº 23, de 2019, do Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior, as seguintes autopeças, incluídas pelos respectivos atos legais indicados:

 

 

NCM

Nº Ex

Ato Legal

8414.30.91

006

Resolução Gecex nº 94, de 21/09/2020.

8414.30.91

008

Resolução Gecex nº 94, de 21/09/2020.

8483.30.90

005

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8483.40.90

002

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8483.40.90

003

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8483.40.90

004

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8505.19.10

014

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8507.60.00

011

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8512.40.10

002

Resolução Gecex nº 94, de 21/09/2020.

8536.50.90

065

Resolução Gecex nº 84, de 03/09/2020.

8538.90.90

003

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8708.29.99

126

Resolução Gecex nº 80, de 25/08/2020.

8708.40.90

014

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8708.80.00

019

Resolução Gecex nº 58, de 22/06/2020.

Art. 4º Fica incluídos, no Anexo I do respectivo ato legal indicado, os Ex-tarifários:

 

 

NCM

Nº Ex

DESCRIÇÃO

Ato Legal

8483.30.10

003

Mancal do comutador em alumínio fundido, com bucha sinterizada de diâmetro 8 mm (+0,015 -0,005mm), possui 76 mm (+0,5mm) de diâmetro externo, espessura 14,5 mm e 6 torres defasadas em 60 graus (+/-0graus 20minutos).

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8483.90.00

057

Coroa interna de aço sinterizado, dureza 140 - 200 HB10, diâmetro externo de 54,4 (+0 -0,3) mm e 3 dentes na parte externa a cada 120 graus para fixação dentro da transmissão planetária com altura no diâmetro 64.6 (+0,3 -0) mm e 36 dentes com módulo de 1,125.

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8483.90.00

058

Engrenagem solar fabricada em aço sinterizado com porosidade máxima de 13%, dureza HV0 maior do que 550, diâmetro de furo estriado com 17 ou 18 dentes, engrenagem externa com módulo de 0,95 a 1,375, número de dentes de 11 a 13 e qualidade 9 de acordo com DIN 3961, tem a função de transmitir o movimento e torque do eixo do induzido para dentro da caixa planetária.

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8483.90.00

059

Engrenagens planetárias em aço sinterizado de dureza HV0 maior do que 550, com porosidade máxima de 13%, diâmetro de furo variando de 6 mm (+0,027-0,002 mm), 10 mm (-0,005 -0,025 mm) e 9 mm (-0,003-0,023 mm), módulos 0,95 ou 1,375, número dentes de engrenagem 13 ou 19 e qualidade 9 de acordo com DIN 3961 e ISO 1328.

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8505.19.10

019

Pastilha de ferrita em formato de arco do tipo imã permanente, com as especificações de fluxo de campo magnético compreendido entre 0,326 mVs e 0,352 mVs, com capabilidade CpK 1,33 (4sigma), utilizado exclusivamente em gerador de campo magnético da bomba elétrica de combustível para veículos automotivos.

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8538.90.90

006

Núcleo magnético de aço baixo carbono extrudado a frio, com diâmetro variando de 45,27 mm (-0,07 mm) a 49,2 mm (-0,3 mm), furo passante de diâmetro variando entre 7,6 mm (+/- 0,03 mm) a 9,7 mm (+/- 0,03 mm), dois rasgos no sentido radial com largura 6,0 mm (+0,18 mm) e espaçados entre si por no mínimo 175graus (+/-20minutos) e no máximo 180graus, e com ressalto cônico em uma das superfícies, de diâmetro na sua base cônica igual a 17,9 mm (-0,1 mm) e rugosidade no interior do furo igual a Rz6.

Resolução Gecex nº 08, de 30/01/2020.

8708.29.99

257

Sistema de abertura e fechamento da tampa traseira, motorizado, com eixo sem fim, tensão de até 16 V e corrente máxima de 25 A, força de fechamento até 1700 N, força de abertura a partir de 1000 N a 3000 N em ambas, comprimento a partir de 480 mm fechado até 690 mm aberto, com cabo e sensor hall integrado ao sistema, para ser aplicado na tampa traseira de veículos automotivos.

Resolução Gecex nº 80, de 25/08/2020.

8708.40.90

103

Conjunto de gerenciamento de sistema de transmissão mecânica e embreagem, automatizadas, utilizado em veículos comerciais médios e pesados (a partir de PBT 12 T), composto de: um atuador eletro/mecânico para engates, um chicote de conexão, um freio de inercia com disco de fricção, com acionamento eletromagnético ou mecânico e quatro sensores de velocidade.

Resolução Gecex nº 23, de 30/12/2019.

8708.80.00

071

Conjunto suporte da suspensão traseira, em aço carbono com pintura anti corrosão, ou em poliuretano, ou em alumínio, utilizado como elemento principal da fixação da suspensão traseira na carroceria, caracterizado como parte da suspensão de veículos automotivos.

Resolução Gecex nº 58, de 22/06/2020.

Art. 5º Esta Resolução entrará em vigor sete dias após sua publicação.

MARCELO PACHECO DOS GUARANYS

Presidente do Comitê-Executivo de Gestão Substituto

 

ANEXO I

LISTA DE AUTOPEÇAS DESTINADAS À PRODUÇÃO

 

NCM

Nº Ex

DESCRIÇÃO

3926.30.00

207

Conjunto de comando de abertura interna de portas composto por peças plásticas injetadas, eixo de aço, mola de aço, batente de borracha e graxa, mecanismo com acionamento mecânico para abertura interna das portas dianteiras e traseiras de veículos e dimensões de 140 mm x 72 mm x 35 mm - (+/-14 mm); peso de 84 g (+/-14 g) ou 180 g (+/-34 g) e pode ter acabamento natural ou finalizado por meio de banhos químicos.

3926.30.00

208

Defletor de Canto (Corner Spoiler) utilizado para direcionamento do fluxo de ar e água aplicado em regiões frontais de veículos comerciais pesados; fabricado em sistema SMC - Sheet Moulding Component (Componente moldado em folha) e desenvolvido com resina de poliéster não saturada reforçada com fibras de vidro longas de 25mm com permissão de utilização de até 10% de polímeros reciclados em sistema de modulagem com prensagem em alta temperatura com componentes que formam o conjunto do Corner Spoiler (defletor de canto) unidos através do processo de soldagem plástica com plasma (união plástica de polímeros).

3926.30.00

209

Maçaneta externa utilizada nas portas composta por puxador, carcaça e capa; com ou sem módulo interno de montagem; possui peso entre 155 a 380 g (+/- 95 g).

3926.90.90

099

Carcaça de resina fenólica produzida por processo de injeção, na coloração preta, com comprimento aproximado de 19 mm, espessura aproximada de 7,8 mm e com massa em torno de 3g; utilizada na montagem do conector elétrico do chicote elétrico da embreagem magnética de compressores do sistema de ar-condicionado de veículos automotores.

4011.10.00

017

Pneu de uso temporário sem câmara, construído em carcaça estrutural diagonal, com largura de 128 mm (+-6mm), diâmetros interno e externo de 15 polegadas e 588 mm (+-8mm) respectivamente, com altura de sua secção/costado correspondente a 80% de sua largura, com peso aproximado de 3,74kg, resistente a danos após receber forças laterais de 2ª e 4ª ordem de 131 e 232 kgf respectivamente, em condição de carga de 3381N, nomenclatura (T125/80D15 95M).

4011.70.90

001

Pneu radial agrícola com tecnologia IF (Increased Flexion), na medida 650/65R34, para uso em máquinas agrícolas.

4011.70.90

002

Pneu radial agrícola com tecnologia IF (Increased Flexion), na medida 710/75R42, para uso em máquinas agrícolas.

4016.99.90

025

Espaçador em borracha vulcanizada não endurecida para isolamento acústico da portinhola de abertura de tanque de combustível de veículo automóvel.

7009.10.00

003

Conjunto de espelho interno utilizado na visualização traseira do veículo, dotado de sistema antiofuscamento automático, sensor do temporizador do limpador do para-brisa (chuva) e sensor de luz, com peso máximo de 380g, e até 250mm de largura, 70mm de altura e 110mm de comprimento.

7315.12.10

002

Corrente de transmissão do sistema de sincronização entre virabrequim e eixo de comando, com distância de centro no range de 127mm a 412,75mm e variação de +0,55 mm, com no mínimo 60 pitches e no máximo 170 pitches, fabricada com massa de 0,107kg a 0,373kg, para acoplamento direto na transmissão primária de motores bicombustíveis com injeção direta de veículos automóveis de passageiros.

7326.90.90

012

Módulo PEPS (Passive entry/passive start - entrada passiva/partida passiva) tem a função de detecção automática da chave do veículo por sinal de baixa frequência emitido por antenas internas localizadas no interior do veículo, habilitar a abertura das portas e a partida do veículo por meio de interruptor específico, composto de circuito eletrônico , conjunto protegido por carcaça plástica com material PA66+GF30 com medidas 30,02 x 100,2 x 101,15mm operando entre 9 V a 19Vdc com 40 pinos para conexão via cabo com dimensões 60 mm x 15 mm, com peso total entre 0,100Kg a 0, 180Kg, para aplicação em veículos automotivos.

8301.20.00

016

Conjunto de mecanismo de fechadura de travamento e destravamento de portas de veículos automóveis, composto por motor elétrico 12V, dotado com termistor PTC para proteção de circuito elétrico e varistor, com sistema que evita o acionamento do motor do conjunto em tensão abaixo de 2V, micro-switch com solda protegida com camada de resina Epoxy, montado com o cabo de comando com capa externa fixa lubrificada com graxa e cabo de aço carbono que desliza dentro da capa que possui terminais na extremidade, com pad de borracha.

8301.20.00

017

Conjuntos de fechadura de portas laterais, dotados de motor elétrico, placas metálicas, vedações, apoios de borracha, arruelas, eixos, pinos, alavancas, trava circular, molas, sistema de engrenagens e peso total entre 647 e 815 gramas.

8301.20.00

018

Jogo de fechaduras eletromecânicas para veículos automóveis, contendo o miolo da ignição fabricado em (PA66-GF30) com superfície protegida com zinco, montada com um contato/switch interno para identificação da inserção da chave no contato e antena interna de identificação do transponder da chave, miolo da fechadura da porta do motorista fabricada em liga Zamak ZDC1, contém duas chaves com haste fabricada em material em conformidade com norma (JIS H-3110), contém pelo menos uma chave do tipo canivete com funções de travamento remoto das portas.

8301.70.00

004

Motores de acionamento de sistemas de levantamento de vidro, dotados de eletrônica integrada à BCM do veículo, torque mínimo de 11Nm e torque máximo de 15,9Nm.

8407.34.90

079

Motor - 1.6T GDI de ignição por centelha a combustível gasolina, com 4 cilindros, 16 válvulas, com 1.598 cm3, turbo com injeção direta (T-GDI) potência: 185cv (136 kW) @ 5.500rpm e torque: 28 kgf.m (275Nm) @ 2.000rpm.

8407.34.90

080

Motor de pistão, 4 cilindros em linha de ignição por centelha (Flex) com 1332 cm3 de cilindrada com duplo comando variável de válvulas, de aplicação transversal e tração dianteira, com sistema de injeção direta de combustível, turbo intercooler e com potência superior a 160cv a 5.500rpm, torque de 270N.m a 1800rpm, bloco sem camisa com depósitos de plasma nas paredes dos cilindros, aplicados em automóveis de passeio e comerciais leve.

8409.91.12

005

Bloco usinado a partir da liga de alumínio fundida pelo processo HPDC, liga de composição cobre 1,5-3,5%, silício 9,6-12%, magnésio 0,06-0,34%, zinco 3,0% máx, ferro 1,3% máx, níquel 0,5% máx, estanho 0,3% máx, encamisado com cilindros em ferro fundido de composição carbono 2,8-3,4%, silício 1,8-2,5%, manganês 0,5-1,0%, fósforo 0,3% máx, enxofre 0,13% máx, cobre 0,5% máx, cromo 0,3% máx para motor de ignição por centelha com cilindrada de 1.598cm3, com peso de 15.378g, altura e comprimento do bloco de cilindros de 207mm por 378mm.

8409.91.12

006

Bloco usinado a partir da liga de alumínio fundida pelo processo HPDC, liga de composição cobre 1,5-3,5%, silício 9,6-12%, magnésio 0,06-0,34%, zinco 3,0 % máx, ferro 1,3% máx, níquel 0,5 % máx, estanho 0,3% máx, encamisado com cilindros em ferro fundido de composição carbono 2,8-3,5%, silício 1,8-2,5%, manganês 0,5-1,0%, fósforo 0,4% máx, enxofre 0,12 % máx, cobre 0,5 % máx, cromo 0,4% máx, molibdênio 0,4-0,8%, para motor de ignição por centelha com cilindrada de 999 cm3, com peso de 12.004g, altura e comprimento do bloco de cilindros de 207mm por 293mm.

8409.91.90

089

Duto de alimentação de combustível da linha de baixa pressão de no mínimo 4bar e no máximo 6,2bar, composto de 4 camadas sendo FKM (fluorelatômero), ECO (elastômero epicloridrina), AR (aramida) e ACM (elastômero de acrilato), com peso entre 50 e 200g.

8409.91.90

090

Duto de alimentação de combustível da linha de baixa pressão de no mínimo 4bar e no máximo 6,2bar, composto de 4 camadas sendo F-TPV (Elastómero termoplástico), ECO (elastômero epicloridrina), AR (aramida) e ACM (elastômero de acrilato), com peso entre 50 e 200 g.

8409.91.90

091

Sensor eletrônico de emissão de frequência proporcional de velocidade de rotação e da posição do virabrequim do motor de pistão de ignição por centelha, com temperatura de operação de -40 Graus Celsius até +155 Graus Celsius e velocidade máxima de rotação do eixo do virabrequim de até 9.000rpm, aplicado em veículos automóveis de passageiros.

8409.91.90

092

Tubo de entrada de óleo no turbo compressor, fabricado em aço com proteções em borracha e detalhes internos em plástico; responsável por levar óleo até o turbo compressor para garantir a lubrificação dos mancais; dimensões aproximadas de 265,34mm x 83,86mm (altura x largura), com seções de 12 e 8 mm de diâmetro e peso aproximado de 0,2kg.

8409.91.90

093

Tubo de retorno de óleo do turbo compressor, fabricado em aço com proteções em borracha e detalhes internos em plástico; responsável pelo expurgo do excesso de óleo do turbo compressor evitando acúmulo de óleo com resíduos de desgaste; dimensões aproximadas de 182,19mm x 52,41mm (altura x largura), com seções de 19 e 15mm de diâmetro e peso aproximado de 0,22 kg.

8409.99.12

009

Bloco do motor fabricado em ferro fundido cinzento em liga de alta qualidade (EN-GJL-XCuCr), usinado, com diâmetro interno da câmara de combustão de 100 mm a 110mm, aplicado em motores de ignição por compressão de 6 cilindros em linha com potência de 110kW a 260kW, com volume funcional total máxima de 7,2 litros, para aplicação em caminhões e ônibus.

8409.99.12

010

Cárter em plástico com pescador integrado fabricado em material (PA 6.6 FV 35 %), com capacidade máxima volumétrica entre 15 a 26 litros, com a função de armazenamento de óleo aplicado em motores diesel.

8409.99.12

011

Reservatório metálico fabricado conforme norma M3254 (W3 B1 SH2) denominado cárter do motor, com capacidade volumétrica mínima para armazenamento de 42 litros de óleo lubrificante do motor.

 

 

8409.99.49

002

Biela forjada em liga de aço, fraturada, com tensão de tração máxima de 1500 MPa, tensão residual de compressão mínima de -275 MPa e máxima de -430 MPa, com furo para montagem no virabrequim com até 80mm e furo para montagem no pino do êmbolo de 45mm, para motores de ignição por compressão de 4 ou 6 cilindros, para aplicação em caminhões e ônibus.

8409.99.59

006

Cabeçote fabricado em ferro fundido cinzento em liga de alta qualidade (EN-GJL-XCuCr), com diâmetro da câmara de combustão de no máximo 106mm, taxa de compressão máxima de 18:1, com sedes e guias em aço liga para 12 válvulas de admissão de ar e 6 válvulas de escape de gases, aplicado em motores diesel de 6 cilindros em linha com potência de 170kW até 240kW, com volume funcional igual ou superior a 6,3 litros, para aplicação em caminhões e ônibus.

8409.99.59

007

Cabeçote fabricado em ferro fundido cinzento em liga de alta qualidade (EN-GJL-XCuCr), com diâmetro da câmara de combustão máxima de 106mm, taxa de compressão máxima de 18:1, com sedes e guias em aço liga para 8 válvulas de admissão de ar e 4 válvulas de escape de gases, aplicado em motores diesel de 4 cilindros em linha com potência de 90kW a 160kW, com volume funcional igual ou superior a 4,2 litros, para aplicação em caminhões e ônibus.

8409.99.59

008

Cabeçote fabricado em ferro fundido cinzento em liga de alta qualidade (EN-GJL-XCuCr), diâmetro da câmara de combustão máxima de 144mm, taxa de compressão máxima de 18,5:1, com sedes e guias em aço liga para 2 válvulas de admissão de ar e 2 válvulas de escape de gases, aplicado em motores diesel de 6 cilindros em linha com potência de 175kW a 375kW, com volume funcional maior ou igual a 8,0 litros, para aplicação em caminhões e ônibus.

8409.99.99

050

Válvula borboleta moduladora de entrada de ar para o sistema de admissão, com diâmetro entre 60 e 88mm, acionada eletronicamente por motor com tensão nominal de 24 V, para aplicação em motores a diesel.

8409.99.99

051

Vareta em aço conforme (DIN EN 10083 C50E), nas dimensões de diâmetro externo de 9mm x 293mm e dureza HRC56, responsável pelo acionamento do conjunto balanceiro do sistema de comando de abertura de válvulas de admissão e escape de motor a diesel.

8413.30.20

007

Bomba de pressurização de combustível mecânica de até 4kg com válvula solenoide elétrica, acionada por eixo cames, aplicada em motores diesel utilizados em veículos comerciais pesados e médios que, ao instalar no bloco do motor, deve ter acionamento pelo eixo de comando de válvulas que movimenta a mola da bomba de combustível pelo contato com o tucho roletado e eleva a pressão interna da bomba em até 2850bar, onde após sinal elétrico recebido na válvula solenoide pela central de gerenciamento eletrônico do motor envia combustível para o bico injetor eletrônico com vazão máxima de 754mm3 por curso.

8413.30.30

014

Bomba de óleo de engrenagens com deslocamento variável (VDOP), para veículos comerciais pesados equipados com motores de combustão interna nos ciclos diesel e otto, atende aos níveis de emissões CONAMA P8, peso de 3820 g, composta de carcaça de alumínio, 2 engrenagens de aço, eixo de entrada com estriado tipo (ISO4156 EXT 31Z*0.50m* 30Px6e), válvula de alivio, trabalhando com vazão de óleo de 128,3 l/min @1600rpm e pressão máxima de trabalho de 14bar.

8414.10.00

054

Bomba de vácuo elétrica do sistema de freio hidráulico que auxilia a geração de pressão negativa para o servo freio, com tensão nominal de 13,5V e corrente média menor que 10A.

8414.80.19

144

Compressor de ar comprimido do freio e suspensão, dimensões de 338mm x 372mm x 321mm, faixa de pressão variável de 10 a 13bar, fluxo de ar variável de 300 a 340 l/min, nível de ruído de 68 dB, consumo energético de 5kW, peso com óleo lubrificante de 30kg, aplicado em ônibus elétrico.

8415.90.90

036

Aquecedor de pré-ignição do diesel, utilizado em automóveis a diesel em regiões frias, com peso de 0,415Kg (+-0,1Kg) e quatro monofilamentos.

8421.39.20

007

Conjunto tubo catalisador de gases instalado no sistema de escapamento com filtro particulado cerâmico para conversão de gases CO, HC e NOx em dióxido de carbono, água e nitrogênio, material externo fabricado em aço Inoxidável (SUS430 ou SUH409L), para aplicação em veículos automotivos.

8421.99.10

011

Corpo de catalisador de escape fabricada em aço (DIN EN ISO 10088-2 - 1.4512), com espessura máxima de 1,2mm e mínima de 0,96 mm em área de maior escoamento de material, peso de 350g com 210mm de comprimento, para aplicação em veículos de passeio.

8421.99.10

012

Corpo de coletor de escape, parte superior fabricada em aço (DIN EN ISO 10088-2 - 1.4512) e inferior fabricada em aço (DIN EN ISO 10088-2 - 1.4509), com espessura máxima de 1,5mm e mínima de 1,13mm em área de maior escoamento de material, com peso aproximado de 386g, comprimento de 170mm e 60mm de diâmetro, para veículos de passeio.

8421.99.10

013

Placa de fibra cerâmica fabricada em óxido de silício e óxido de alumínio, com comprimento de 370mm (+-2mm), largura de 70mm (+- 1mm), espessura de 8,5mm (+- 1,5mm), densidade 1500g/m² e resistência a tração maior ou igual a 100KPa, categoria de temperatura maior ou igual a 1000 Graus Celsius com a função de retenção mecânica do catalisador automotivo bem como seu isolante térmico, para aplicação em veículos de passeio.

8421.99.99

087

Mídia filtrante descartável, para aplicação em filtros de combustível diesel, composta de fibras de poliamida sintética em três diferentes camadas de diferentes permeabilidades, com 61,5mm de diâmetro externo e 66mm de altura total, aplicada para filtração dos resíduos sólidos contidos no combustível diesel e separação da água absorvida pelo mesmo, para aplicação em produtos automotivos.

8424.90.90

067

Esguicho composto de peças plásticas e metálicas, montado na tampa do porta-malas do veículo, utilizado para projetar água ou outro fluido de limpeza sobre o vidro traseiro do automóvel.

8424.90.90

068

Esguicho composto de peças plásticas, podendo ter ou não acabamentos metálicos, montado sobre o capô com a função de projetar água ou outro fluido de limpeza sobre o para brisas de veículo automóvel.

8481.20.90

108

Válvula de retenção com mola, com pressão de abertura de 0,4bar, pressão máxima de 207bar, fluxo máximo de 151 l/min, temperatura de operação entre -40 Graus Celsius a 120 Graus Celsius, corpo de aço e selos de vedação nitrílicos, peso aproximado de 1,5Kg, para aplicação em produtos automotivos.

8481.20.90

109

Válvula de retenção com mola, com pressão de abertura de 4,5 bar, tamanho de 3/8 polegadas, pressão máxima de 345 bar, fluxo máximo de 30 l/min, temperatura de operação entre -40 Graus Celsius a 121 Graus Celsius , corpo de aço e selos de vedação nitrílicos, peso aproximado de 0,2Kg, para aplicação em produtos automotivos.

8481.20.90

110

Válvula pneumática com 3/2 vias, carcaça em liga de alumínio, pressão nominal de 12 bar, curso de trabalho de 90 Graus, tempo de amortecimento de 12s, curso de 12mm, temperatura de trabalho variável de -40 Graus Celsius a 80 Graus Celsius, haste de acionamento em aço, aplicada em caminhões e ônibus.

8481.20.90

111

Válvula pneumática moduladora de pressão, carcaça em alumínio, partes em ferro e plástico, peso máximo de 3,2kg combinadas por duas válvulas integradas com pressão máxima de 13bar, tensão nominal 24V, temperatura nominal de trabalho variável -40 Graus Celsius a 80 Graus Celsius, e resistente às temperaturas máximas de 110 Graus Celsius, no período de 1 hora, e 95 Graus Celsius em um período de 2 horas, dotada de unidade de controle eletrônica (ECU) para o sistema de freio EBS (Eletronic Brake System), aplicado em ônibus e caminhões.

8481.40.00

033

Válvula de alívio de pressão utilizada em compressores de ar de motores diesel, pressão de abertura para ar comprimido de 19bar (+ 3bar) e torque de 90Nm, variação de temperatura de -40 Graus Celsius a +250 Graus Celsius, vazão de ar de 10ml/min a pressão de 15bar, composto principalmente por alumínio (EN AW-6082 - T6), projeto de acordo com a norma (DIN ISO 5456-2).

8481.80.92

042

Eletroválvula solenoide utilizada para controle de vazão da bomba de óleo do motor de veículos automotivos, do tipo on-off, com campo eletromagnético, sobreinjetada em material plástico (PA66 GF30), blindada por uma estrutura externa metálica, com pressão máxima de 9bar, fluxo de 1,8 l/min a 2bar, tempo de resposta menor que 50ms e temperatura de operação de -40 Graus Celsius até 150 Graus Celsius.

8481.80.92

043

Válvula proporcional de gerenciamento de fluxo de óleo de alta precisão, destinada ao controle de variador de fase de eixo de comando de válvulas de motores de combustão interna, com tensão de trabalho entre 10V e 16V, corrente máxima de 3 A, frequência de trabalho entre 200 Hz e 300 Hz, temperatura de trabalho entre -40 Graus Celsius e +135 Graus Celsius, comprimento entre 110 mm e 120mm, diâmetro principal entre 17,975mm e 18,000mm e massa entre 150g e 200g.

8481.80.92

044

Válvula solenoide com acionamento elétrico, tensão de 8 V a 16 V, temperatura de trabalho de -40 a 180 Graus Celsius, utilizada para controlar o fluxo de ar dos turboalimentadores de motores de combustão interna de veículos automotivos.

8481.80.92

045

Válvula solenoide de 10 V a 16 V com vazão de ar entre 7 l/min a 87 l/min que controla o fluxo de vapor de combustível proveniente do reservatório de carvão do canister para queimar no motor, eliminando as emissões evaporativas do tanque de combustível.

8481.80.92

046

Válvula solenoide de ar comprimido de 3/2 polegadas montada na tomada de força da caixa de mudanças ou do volante do motor, controlada pela ECU do motor, fabricada em alumínio, opera em faixa de pressões de trabalho entre 4 a 11bar, faixa de temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a 120 Graus Celsius e faixa de operação de voltagem de 22V a 32V de corrente contínua.

8481.80.97

008

Conjunto válvula borboleta com diâmetro entre 40mm e 54mm, com eixo principal de movimentação gradual controlada por engrenagens por meio de motor de passo com corpo principal em alumínio naval, temperatura de trabalho entre -40 Graus Celsius a 150 Graus Celsius com máxima de 200 Graus Celsius, pressão de operação até 1,5 bares, sensor eletrônico de efeito Hall, selos feitos em Viton, projetado para suportar estanqueidade interna de 5 bares, terminais elétricos com ou sem contato em prata com espessura mínima de 3 microns, para aplicação em motores de veículos automóveis.

8481.80.97

009

Válvula de controle de ar de admissão para veículos comerciais pesados equipados com motores de combustão interna no ciclo diesel, atendem ao nível de emissão CONAMA P8, composta de carcaça de alumínio, válvula borboleta com diâmetro 80 mm, motor elétrico de potência 20W com tensão de 16 a 32V, sensor de posição e chicote elétrico, controlada por meio de software gerenciado pela central elétrica do motor (ECU) que realiza a abertura ou fechamento da borboleta que controla o fluxo de ar em diferentes condições de trabalho do motor.

8481.80.99

107

Unidade de dosagem de fluido (Dosing module), consiste de uma válvula eletro-hidráulica que controla o fluxo de uréia; fixada no tubo de decomposição do sistema de pós-tratamento de gases de escape do tipo SCR (Selective catalyst reduction) para motores ciclo diesel; apresenta "design" do bico específico para espargir o fluido no interior do tubo de decomposição e aumentar a eficiência da reação química; peso aproximado de 0,12 kg; dimensões principais máximas de 103,1 x 56 mm.

8481.90.90

067

Corpo da válvula solenoide do injetor de combustível para motores de combustão interna de veículos automotores, constituído em aço inoxidável (430FR ASTM A484), por processo de usinagem, com comprimento nominal de 17,050 mm, diâmetro externo máximo nominal de 13,100 mm, espessura de parede entre 0,350 mm e 1,682 mm, e peso de 4,6 g.

8481.90.90

068

Guia de válvula metálica em aço liga (JIS G4051) com níveis de micro inclusão não-metálicos máximos 1,5 para série grossa e 3 para série fina, fabricada por meio do processo de usinagem, com dimensões de diâmetro externo de 23,5 mm, comprimento de 23 mm, com massa de 39 g; com tratamento superficial de carbonitretação com profundidade controlada da camada tratada; tratamento térmico de têmpera e revenimento; retífica da superfície de trabalho com rugosidade de Ra 0,125; com ranhura usinada para acomodação de anel de borracha para vedação; utilizada para guiar movimento de válvula de alívio de pressão de bomba de óleo de vazão variável aplicada em motores a combustão diesel de veículos.

8481.90.90

069

Luva feita em aço liga (JIS G4053), fabricada por meio do processo de usinagem, com tolerância do diâmetro externo de ordem milesimal; tratamento superficial de cementação com profundidade controlada da camada tratada, tratamento térmico de revenimento; retífica da superfície de trabalho com rugosidade de Ra 0,125; com dimensões de diâmetro externo de 23,5 mm e comprimento de 62,7 mm, com massa de 61 g, utilizada para limitar o movimento da válvula de alívio de pressão de bomba de óleo de fluxo variável, aplicada em motores a combustão diesel de veículos.

8482.50.90

001

Rolamento com flange guia, fechada em um dos lados, de rolos cilíndricos, diâmetro de 2,8 mm por 6,8 mm, fabricado de aço (100 Cr6), retentor de ( EN 10139-DC04 ) e anel externo de (15 Cr3), suporta carga de C de 5580 N e Co de 4430 N, diâmetro circunscrito sobre os 8 roletes, temperatura de trabalho entre -40 Graus Celsius até 160 Graus Celsius e peso entre 10 g e 12 g; deve operar em meio de acionamento excêntrico, com função principal de transferir movimento do eixo do atuador aos pistões da unidade hidráulica para proporcionar seu funcionamento, aplicado em unidades de controle eletrônico de estabilidade (ESC) do sistema de freios de veículos.

8483.10.19

018

Eixo em aço (C38+N) para aplicação em motores a diesel 6 cilindros, com 154 mm de entre cames e comprimento total de 1010,5 mm.

8483.10.19

019

Virabrequim com dimensão entre eixos excêntricos entre 21 mm e 31 mm, comprimento total na faixa de 185 a 317 mm (+ - 0,3 mm) e peso na faixa de 1,8 a 3,5 kg, para uso no compressor de ar de 1 ou 2 cilindros aplicado em veículos comerciais pesados, forjado a partir de aço liga temperado e revenido com adição de 0,08 % a 0,13 % de vanádio na composição e submetido a tratamento termoquímico de nitretação por plasma, para atendimento de uma dureza Vickers superficial superior ou igual a 600 HV (norma DIN EN ISO 6507-1) e camada endurecida de 0,004 mm a 0,016 mm, e com cone endurecido lapidado para atendimento da rugosidade Ra inferior a 0,4.

8483.10.19

020

Virabrequim fabricado em aço (SVh40C) para aplicação em motores a combustão por centelha flex fuel 3 cilindros, massa de 8,700 kg, comprimento total de 347,2 mm e curso de 69,58 mm.

8483.10.19

021

Virabrequim fabricado em aço (SVh40C), para aplicação em motores a combustão por centelha flex fuel 4 cilindros, massa de 9,600 kg, comprimento total de 432,2 mm e curso de 83,44 mm.

8483.10.90

033

Eixo acabado, forjado e usinado, cilíndrico maciço de aço (Fe 690-2 DIN EN 10025), rosca M17 x 1,5-6g, com diâmetro externo de 17,41 mm, comprimento de 152,65 mm, apresentando furo hexagonal de dimensões 8,1 mm (+0,09 mm -0,06 mm) na região em que se encontra a rosca M17, região com diâmetro de 7,35 mm e comprimento de 24 mm para cravamento do coletor, 6 regiões estriadas de passo 1,55 mm e 35 dentes de 110 graus conforme UNI 149-A1.55 distribuídas ao longo do eixo com diâmetros de 17,41 mm (+0,06 mm -0,05 mm) para cravamento do núcleo polar e 17,3 mm (+- 0,1 mm) para cravamento dos girantes polares; tolerância de rugosidade Ra de 0,8 e diâmetro de 17 mm (-0,006 mm -0,014 mm) na região de assentamento dos rolamentos e rebarbas inferiores a 0,1 mm, para produção de alternadores de veículos automóveis.

8483.10.90

034

Eixo acabado, forjado e usinado, cilíndrico, maciço de aço (S48C), com diâmetro externo mínimo de 5,99 mm na ponta do eixo até o máximo de 17,3 mm na região central de alojamento das garras polares e comprimento de 143,5 a 146 mm, com uma região estriada de passo igual a 0,26 mm e dentes com ângulo de 90 graus (+- 10 graus), duas regiões estriadas com passos de 1 mm e dentes com ângulo de 90 graus (+- 5 graus) com rugosidade máxima (Rz) de 13,8; dimensões de 17 mm (-0,006 mm -0,014 mm) e 15 mm (+0,005 mm +0,013 mm) e rugosidade máxima de 6,9 na região de assento dos rolamentos; apresentando ponta do eixo sextavada com rosca M14x1,5, tensão de escoamento RP 0,2 mínima de 350 MPa, dureza mínima de 170 HB, resistência a tração mínima de 600 MPa e alongamento mínimo de 15%, para produção de alternadores utilizados em veículos automóveis.

8483.10.90

035

Eixo arrastador do induzido da chave magnética fabricado em aço não-ligado (C10C) pelo processo de forja e torneamento, com comprimento de 80,5 mm (+- 1,5 mm) e diâmetros de seções transversais de 5,9 mm (+- 0,075 mm) e 4,5 mm (+- 0,075 mm) com função de prover movimento à ponte de contato que conecta os terminais da chave magnética e de movimentar a alavanca que empurra o pinhão para engrená-lo com a cremalheira do motor de combustão.

8483.10.90

036

Eixo de transmissão fabricado em aço forjado, temperado e revenido, com dureza de 229 HB a 277 HB, provido de flange com 12 ou 15 furos roscados M24x3 em uma das extremidades e 44 ou 49 dentes na outra extremidade, comprimento total de 589 mm ou 730 mm, diâmetro do eixo de 84 mm ou 91 mm e diâmetro da flange de 296 mm até 300 mm, com têmpera de indução no corpo do eixo, aplicado no sistema de locomoção da roda de pá carregadeira de rodas.

8483.10.90

037

Eixo do induzido para bombas elétricas automotivas, em aço inox com tratamento térmico, dureza mínima de (630 HV10), usinagem de alta precisão com tolerância batimento de 0,003 mm, circularidade de 0,002 mm e rugosidade Rz menor ou igual a 1,5 mm, submersível em combustível.

8483.10.90

038

Eixo forjado em aço (SAE J404 8620) utilizado em bomba injetora rotativa mecânica a diesel para transmissão de torque e rotação entre os componentes internos e o dispositivo de acionamento do motor, com variações diametrais entre 22,495 mm (+-0,045 mm) e 47,433 mm (+-0,0125 mm), comprimento nominal de 154,200 mm, concentricidade máxima de 0,015 mm, superfície com tratamento térmico de cementação com dureza de (750 Hv 10 kg) mínimo, em camadas de 0,60 a 0,75 mm, e peso de 599 g, para aplicação em produtos automotivos.

8483.10.90

039

Eixo maciço de seção circular, semi-acabado de aço (S48C), forjado e usinado, com diâmetro externo variando de 17,3 a 19 mm e comprimento total de 151,3 mm, batimento máximo de 1,5 das extremidades em relação ao centro do eixo, possui uma extremidade em formato hexagonal com diâmetro de 10 mm e outra com diâmetro de 9 mm; dureza mínima de 170 HB, resistência a tração mínima de 600 Mpa, tensão de escoamento RP 0,2 mínima de 350 MPa e alongamento mínimo de 15%, para produção de alternadores de veículos automóveis.

8483.10.90

040

Eixo sem fim de aço (44SMn28) de rosca helicoidal rolada simples para engrenamento de mono redução de motor de limpador de pára-brisa de veículos automotivos, com concentricidade entre 0,003 e 0,004 mm, diâmetro de 8 mm (-0,009 mm), comprimento entre 125 mm a 140 mm, peso entre 40 g a 48 g e alojamento para batentes de contato nas extremidades e estrias axiais de retenção formando um diâmetro de 8,2 mm.

8483.10.90

041

Eixo usinado do rotor, utilizado para cravamento das garras polares, fabricado em aço (C45E, 2C45 ou C45), com tensão de deformação igual a 430 N/mm2 e tensão de ruptura de 650 N/mm2, possui furos, estrias e recartilho, tem comprimento total de 138 mm a 154 mm, diâmetro de 17 g5 mm, peso de 200 g a 230 g e rosca M16x1,5 6g, dureza superficial de 450 HV (0,5 a 3) e sua conicidade máxima permitida é de 0,02%, para aplicação em rotores de alternadores automotivos.

 

 

8483.30.10

004

Mancal de encosto axial de alta precisão (paralelismo de 0,005 a 0,01 mm), fabricado em material CW713R ou CW508L ou CW 507L por meio de processo de estampagem especial "fine blank" e/ou usinagem dos canais de lubrificação de óleo, com diâmetro ou semi diâmetro externo máximo de 20 a 80 mm, peso de 0,01 a 0,150 Kg tendo como função principal o suporte de cargas axiais de eixo de rotação de até 300.000 rpm de turbo alimentadores de ar acionados pelos gases de escapamento dos motores de combustão interna de veículos automotivos.

8483.30.90

013

Capa de mancal de comando sinterizada em ligas de pó de alumínio PM (Al-Cu-Si-Mg, Al-Mg-Si-Cu ou Al-Zn-Mg-Cu), com função de localizar e fixar o eixo de comando no cabeçote para reduzir atrito entre o comando e o cabeçote, além de suportar as cargas cíclicas por ação das molas e das válvulas do cabeçote, com dimensões aproximadas de 20 mm de altura, 13 mm de espessura e 60 mm de comprimento.

8483.30.90

014

Mancal do cabeçote (bruto) de alumínio para montagem no eixo comando veículo de passeio, com a finalidade de realizar o fechamento da montagem entre cabeçote, eixo comando de válvulas e mancal; com dimensões externas de 59,5 mm de largura, 14 mm de espessura, 22 mm de altura e massa de 0.034 kg, com matéria prima desenvolvida pelo fornecedor para o processo de sinterização do alumínio de alta precisão, que atenda às necessidades dimensionais do produto com as buchas incorporadas ao mancal, além das propriedades mecânicas de limite escoamento de 151 MPa, limite ruptura de 186 MPa e alongamento 3.0%.

8483.30.90

015

Mancal sinterizado de liga de ferro, com estrutura contendo cobre livre, impregnado a vácuo com auto lubrificante especial de viscosidade compreendida entre 62 e 74 mm2/s, alta precisão dimensional, diâmetro externo de 17mm (+-0,1 mm) e diâmetro interno de 8 mm (+-0,0045 mm), circularidade de 0,003 mm, retilineidade de 0,003, paralelismo de 0,003 e batimento de 0,02 mm para garantia de ajuste entre eixo e mancal de 0,0065 mm a 0,0245 mm de folga para operação em rotações do eixo de 6000 RPM, gerando baixo ruído (50 decibels-dBA), utilizado exclusivamente em motores elétricos de sistemas de para-brisa automotivo.

8483.40.90

215

Válvula de aceleração em liga de alumínio (EN AW-5052 H34), com diâmetro externo de 64 mm e tolerância g6, espessura de 2 mm, massa de 17 g, com temperatura de trabalho de -40 graus Celsius a +125 graus Celsius e resistente a combustíveis, óleos e fluidos refrigerantes, aplicada em corpos de borboleta de sistemas de admissão de ar de motores de combustão automotivos do tipo Otto.

8483.50.90

012

Amortecedor de vibrações torcionais elástico para aplicação em motores de veículos comerciais, com o momento de inércia do anel 0,066 kgm², amortecedor central 0,012 kgm2.

8483.50.90

013

Disco flexível de acoplamento do conversor de torque ao eixo virabrequim, projetado em aço liga especial (LAX550Y620T); diâmetro externo de 285,75 mm a 290 mm, com 6 furos de fixação de 230 mm, espessura de 2,5 mm (+0.2 mm) e geometria em formato de disco com presença de cremalheira soldada; dimensionado para tensões de tração e compressão menores que 289 MPa e rigidez axial superior a 3905 N/mm, peso aproximado de 2 kg.

8483.60.90

049

Placa de transmissão em aço SPFH590 (t=2,0) com espessura conformada de 2,6 mm e com anel de engrenagem fabricada em material SM48C com dentes temperados com dureza no centro do dente entre 50 e 60 HRC e na superfície acima 50, utilizada em veículos de transmissão automática.

8483.90.00

060

Adaptador hub do cubo circular de contrabalanço do motor, fabricado em EM-GJL-250 sob DIN EM 1561, utilizado em motores diesel de 6 cilindros 12,4 L, com 02 diâmetros diferentes (177 mm e 120 mm), e com elevações equidistantes em uma de suas faces.

8483.90.00

061

Chapa fabricada em aço mola laminado a frio conforme DC01 + C690, dimensões de diâmetro externo 370 mm e 4 mm de espessura e resistência mínima de 690 MPa, membrana responsável pela interface entre motores diesel e transmissão automática, transmite movimento e torque do motor para o conversor de torque nas transmissões automática.

8483.90.00

062

Coroa interna (engrenagem), de poliamida, com 37 dentes e módulo de 1,375, diâmetro sobre esferas de 50,053 mm (+0,3 mm+0,7 mm), de diâmetro externo de 65,85 mm, (+-0,15 mm), com 6 dentes de encaixe, com diâmetro encaixe 58 mm (+- 0,15 mm) e concentricidade de 0,15 mm em relação ao centro, com uma bucha metálica sinterizada de diâmetro interno de 12 mm (+-0,08 mm), utilizada em planetário do motor de partida.

8501.31.10

037

Motor elétrico sem escovas de baixa voltagem, com potência máxima de 680 W, torque nominal de saída de até 4,49 Nm, com unidade eletrônica de controle de assistência integrada para sistemas de direção elétrica de automóveis.

8501.31.10

038

Atuador elétrico controlado eletronicamente, com tensão de alimentação de 12 V, hastes com distância entre pontas de fixação aproximadamente igual a 275 mm retraído, com curso de até 50 mm, velocidade de deslocamento de até 11,9 mm/s, temperatura de trabalho de -30 Graus Celsius até 65 Graus Celsius, aplicado em máquinas agrícolas.

8501.31.10

039

Atuador eletro-mecânico, com força de aperto mínima exigida entre 13,5 e 16,5 kN, próprio para freio de estacionamento eletrônico (EPB) de veículos automotores, composto de redutor com motor elétrico incorporado (motoredutor) com torque de saída entre 12,2 Nm e 20,0 Nm, tensão mínima de operação de 6,5 V ou 7,2 V, tensão máxima de operação de 16 V, corrente de corte máxima de 17,6 A ou 18,0 A, suporta temperaturas de trabalho entre -40 Graus Celsius e +120 Graus Celsius, grau de proteção (IP 6K6K, IP 6K7, 250 mm, 4 h; IP 6K9K, DIN 40050 Part 9), banda de dispersão de ruído aéreo na faixa de 4 dB (A) e banda de dispersão de ruído da estrutura na faixa de 4 dB (g), com peso de 520 g (+- 13 g), dimensão máximas de 95 mm (+-0,2 mm) de altura, 143 mm (+-0,2 mm) de comprimento e 86 mm (+-0,2 mm) de largura, e vida útil de 15 anos ou 300.000 km rodados em um veículo.

8501.31.10

040

Motor elétrico de acionamento do banco, de baixa rotação, com corrente contínua máxima de trabalho em 5 amperes, sem escovas, com tensão nominal de 13,5 volts, com potência de 67,5 watts, com temperatura de trabalho média em 20,5 Graus Celsius, com humidade tolerável média de 60%, com velocidade média de trabalho com carga de 2.050 rpm, utilizado para ajuste de posição do banco no sentido vertical e horizontal realizando a movimentação através de pulsos elétricos, aplicado em bancos automotivos dianteiros esquerdos e direitos, com dimensões de 167,2 mm de comprimento; 82,7 mm de profundidade e 51,3 mm de largura.

8501.31.10

041

Motor elétrico sem escovas de baixa voltagem, com potência máxima de 600 W, torque nominal de saída máximo de 4,8 Nm, com unidade eletrônica de controle de assistência integrada e com massa de 2360 g (+-170 g), com alturas, comprimentos e larguras inferiores ou iguais a 150 mm, aplicado em colunas de direção elétricas de veículos automotivos.

8504.40.10

001

Carregador wireless para console central de veículos automóveis, dotado de comunicação em protocolo CAN, microcontrolador, microventilador interno, sistema de controle automático progressivo de auto-resfriamento, conector de 12 pinos, sistema de bobinas de indutância padrão WPC, frequência de operação 115 KHz.

8504.40.10

002

Sistema de carregamento sem fio para smartphones, utiliza tecnologia de indução eletromagnética por meio de variação de tensão, composto de 4 bobinas, contém conversores de tensão DC-DC e DC-AC, com potência de 15 W e uma área ativa de carregamento de 75 mm x 35 mm, peso aproximado de 340 g, possui superfície emborrachada robusta para prevenir o deslizamento do Smartphone em sua superfície.

8504.40.90

212

Conversor de tensão e corrente DC/AC e DC/DC para veículo elétrico nas dimensões de 394 x 310 x 81mm, tensão máxima de entrada de 800V e tensão máxima de saída de 28V, potência de saída DC/AC variável de 15 kW a 30 kW, corrente máxima de 200A, com peso de até 8,7kg e grau de proteção IP6K9K, aplicado em veículos elétricos.

8505.19.10

020

Imã de ferrita cerâmica, não magnetizada em formato retangular, para magnetização futura e utilização em rotores de alternadores, tendo as seguintes dimensões; altura de 5 mm, largura de 8,5 mm e comprimento de 27 mm , peso de 5 g a 10 g, densidade de fluxo residual 410 MT no mínimo e permeabilidade magnética 1,05 no mínimo para aplicação em rotores de alternadores automotivos.

8505.19.10

021

Imã de ferrite desmagnetizado, nas dimensões 60,32 mm x 27,67 mm x 6,62 mm, peso médio de 560 gramas , placa em ângulo de 50 graus, grade 6, com 85% de oxido de ferro (Fe203) e 15% de carbono de estrôncio (SrCO3), para atuar na corrente de 12 V(dc) e magnetização a 550 V(dc), aplicado em motor para levantadores de vidro de veículos automotivos.

8505.19.10

022

Imã de ferrite em formato de arco não magnetizado, com dimensões de 40 mm de altura, 30 mm de largura e 7,3 mm de espessura e peso de 40 g a 50 g ; BR maior que 0,359T, BHc maior que 302 kA/m, iHc maior que 352 kA/m, resistência mecânica mínima de 1.120 N, características magnéticas medidas sob temperatura de 20 Graus Celsius, utilizado em motores de partida para aplicação em veículos leves.

8505.19.10

023

Imã sinterizado de formato de segmento de arco com área projetada retangular, cujas principais dimensões são: comprimento de 43,5 mm (+- 0,5 mm), largura de 23,7 mm (+- 0,2 mm), altura de 6,4 mm (+- 0,2 mm), diâmetro interno de 53,5 mm (+- 1 mm) e diâmetro externo de 66,5 mm (+- 0,2 mm), para aplicação em produto automotivo.

8505.19.10

024

Pastilha de ferrita em formato de arco, com magnetização permanente, composto de óxido de ferro e óxido de estrôncio, nas dimensões de 37 a 45 mm de comprimento, 51 mm de largura, 6,95 mm de espessura, atendendo as especificações de fluxo de campo magnético mínimo de 0,6235 a 0,787 mili volts segundo (mVs) e máximo de 0,7621 a 0,897 mili volts segundo (mVs), resistência a força contrária ao campo magnético maior que 240 kilo ampére por metro (kA/m), utilizado exclusivamente em motores para aplicação em sistema limpador de para-brisas de veículos automotivos.

8505.19.10

025

Pastilha de ferrita em formato de arco, com magnetização permanente, composto de óxido de ferro e óxido de estrôncio, nas dimensões de 55 mm de comprimento, 34 mm de largura, 4,45 mm de espessura controlado por CPK de 1,33, de acordo com as especificações de fluxo de campo magnético mínimo de 0,621 mili volts segundo (mVs) e máximo de 0,684 mili volts segundo (mVs) e resistência a uma força contrária ao campo magnético maior que 250 kilo ampéres por metro (kA/m), utilizado exclusivamente em motores para aplicação em sistema limpador de para-brisas de veículos automotivos.

8505.19.10

026

Pastilha de ferrita em formato de arco, com magnetização permanente, composto de óxido de ferro e óxido de estrôncio, nas dimensões de 55 mm de comprimento, 51 mm de largura, 6,95 mm de espessura, atendendo as especificações de fluxo de campo magnético mínimo de 1,029 mili volts segundo (mVs) e máximo de 1,090 mili volts segundo (mVs), resistência a força contrária ao campo magnético maior que 240 kilo ampéres por metro (kA/m), utilizado exclusivamente em motores para aplicação em sistema limpador de para-brisas de veículos automotivos.

8505.19.10

027

Pastilha de ferrita em formato de arco, imã permanente de oxido de ferro e oxido de estrôncio no comprimento de 36,0 mm por 64 mm de largura, com as especificações de fluxo magnético R 0,833 mVs (+0,050 mVs), mínimo fluxo magnético RG 0,783 mVs e resistência à força contrária ao campo magnético HG 230 kA/m, utilizado exclusivamente em motores para ventilação interna de veículos automotivos.

8505.19.10

028

Pastilha de ferrita em formato de arco, imã permanente de oxido de ferro e oxido de estrôncio, com comprimento de 30,5 mm por 64 mm de largura, especificações de fluxo magnético de R 0,704 mVs (+0,042 mVs), mínimo fluxo magnético RG 0,661 mVs e resistência à força contrária ao campo magnético HG 230 kA/m, utilizado exclusivamente em motores do sistema de ventilação interna de veículos automotivos.

8505.90.80

006

Magneto elétrico dotado de bobina e lâminas metálicas, com força magnética mínima de 130 newtons sob corrente de 9,8 amperes montado a uma distância de 0,200 milímetros; encapsulado em carcaça de baquelite com resistência à compressão mínima de 259 MPa e resistência a tração mínima de 90 MPa, para uso exclusivo em bombas de injeção de veículos automóveis movidos a diesel.

8507.60.00

020

Bateria de lítio com tensão nominal de 37 V até 51 V com trabalho nominal de 44 V, capacidade de energia útil de 350 Wh, de forma retangular com dimensões 310 mm x 175 mm x 89mm (tolerância nas medidas de +/-10 %), para aplicação em veículos automotivos.

8511.50.10

008

Alternador regulador de tensão digital via protocolo LIN com momento de inércia de 45 kg/cm², rotação máxima de operação constante de 14.000 rpm com picos de 16.000 rpm, corrente de saída 110 A e tensão de saída de 24 V.

8511.90.00

050

Anel de plástico, montado em alternadores veiculares, fabricado em PBT com diâmetro interno de 34,963 mm a 35,01 mm e espessura de 1,51 mm (+-0,03 mm) sem ângulo de saída, com ou sem vedação de borracha.

8511.90.00

051

Anel de plástico, montado em alternadores veiculares, fabricado em plástico PA66 com diâmetro interno de 34,95 mm a 35,00 mm e espessura de 1,45 mm (+-0,025 mm) sem ângulo de saída e com clipe plástico de 2,19 mm (+-0,025 mm).

8511.90.00

052

Anel de plástico, montado em alternadores veiculares, feito em PA66 com diâmetro interno de 40,0 mm (+- 0,02 mm) e espessura de 1,49 mm (+-0,025 mm) sem ângulo de saída, com ou sem vedação de borracha.

8511.90.00

053

Carcaça polar cilíndrica, estampada e rolada, com espessura da chapa de aço de 1,95 mm (+-0,1 mm), dimensões principais: diâmetro interno nominal entre 70 mm (+-0,12 mm) e 74,2 mm (+-0,12 mm) e comprimento entre 98,5 mm (+-0.1 mm) e 99,5 mm (+-0,1 mm), com circularidade máxima permitida de 0,15 mm, para aplicação em produto automotivo.

8511.90.00

054

Carcaça polar cilíndrica, estampada e rolada, com espessura da chapa de aço variando de 1,5 mm (+-0,11 mm) a 2,0 mm (+-0,25 mm), dimensões principais: diâmetro interno nominal variando entre 58 mm (+-0,12 mm) e 66 mm (+-0,12 mm) e comprimento variando entre 93,4 mm (+-0,2 mm) e 101,3 mm (+-0,1 mm), com planicidade e perpendicularidade máximas de 0,2 mm, e circularidade máxima de 0,15 mm, para aplicação em produto automotivo.

8511.90.00

055

Estator de alta eficiência, composto por condutores de cobre segmentados e pacote de lâminas pintadas em tinta epóxi preta anti-oxidante formando camada de espessura entre 15 a 30 micrometros com penetração mínima na abertura das cavidades de 50 micrometros; fios de cobre soldados por solda TIG com extremidades protegidas por resina epóxi para evitar curto circuitos, de seção retangular especial para maximização do grau de preenchimento acima de 75% da cavidade do pacote de lâminas e da eficiência do alternador acima de 70%; corrente de fuga máxima de 10 mA a uma tensão de 600 VCA (60Hz) durante 1 segundo; pacote de lâminas com altura de 31,74 a 32 mm, composto por lâminas individuais estampadas com espessura inferior a 0,3 mm cada uma e posicionadas através de 8 cordões de solda especial; cavidades do estator revestidas com papéis isolantes especiais com menor espessura em relação aos utilizados em estatores convencionais; com diâmetro externo entre 120 e 140 mm e altura do pacote de lâminas com enrolamento entre 50 e 60 mm, para aplicação em alternadores de veículos automóveis.

8511.90.00

056

Pacote de lâminas em aço baixo carbono com processo de fabricação por estampagem de tira longitudinalmente ao longo de toda extensão com formação de berços para inserção posterior do bobinamento, possui formato espiral, laminado e soldado a plasma para união das lâminas, possui diâmetro externo entre 117 e 119 mm, diâmetro interno entre 91 e 92,5 mm, e espessura da lâmina igual ou inferior a 0,8 mm com precisão centesimal, utilizado para produção do núcleo de estatores de alternadores de veículos automóveis.

8511.90.00

057

Porta escovas completo para motor de partida, tem função de transmitir corrente elétrica proveniente da chave magnética para o induzido do motor elétrico; composto por 2 ou 4 escovas de carvão, cordoalhas das escovas soldadas na placa base, deve atender força de arrancamento de no mínimo 100 N, rigidez dielétrica testada em 600 V AC por 2 segundos e corrente de fuga máxima de 1 A, queda de tensão na cordoalha da escova de carvão de máximo 3 mV de 1 a 10 A, com diâmetro de 64 mm e altura de 18,7 mm e peso de 130 g a 160 g.

8511.90.00

058

Porta-escovas montado com: placa de aço zincado, espessura de 1,2 mm (+-0,05 mm), diâmetro de 61,1 mm (+- 0,1 mm); placa de fluxo de cobre ou aço zincado, espessura de 1,2 mm (+- 0,1 mm) e diâmetro de 43,65 mm (+- 0,15 mm) ou 52,2 mm (+- 0,1 mm); guias das escovas de resina fenólica, espessura de 1,5 mm (+-0,2 mm) e cota para encaixe da escova de 10,225 mm ou 14,225 mm (+- 0,075 mm); seis escovas de carbono com duas camadas de composições diferentes, dureza Rockwell de 40 a 90, comprimento útil das escovas de 9,70 mm (+-0,25 mm), espessura total de 4,2 mm (+- 0,04 mm) e largura de 10 mm ou 14 mm (-0,1 mm -0,26 mm); cordoalha de conexão externa de cobre trançado e seção transversal de 10 ou 12 mm2, com placa de conexão de cobre estanhado; vedação de geometria parabólica; seis molas de compressão, aplicado em produto automotivo.

8511.90.00

059

Roda polar com 6 garras de 28,4 mm (+-0,7 mm) de largura, espaçadas com ângulo de 60° (+-1°), dois chanfros não simétricos, diâmetro externo de 104 mm (+- 0,2 mm), núcleo com altura de 24 mm (+-0,1 mm) e diâmetro interno do furo do núcleo de 17,28 mm ( +- 0,0215 mm), aplicada em alternadores automotivos.

8511.90.00

060

Roda polar sem núcleo acoplado com 6 garras de 28 mm (+-1mm) de largura com os dois chanfros simétricos, diâmetro externo de entre 103,8 mm (+-0,2 mm) e 103,9 mm (+-0,2 mm) e diâmetro interno de 93,7 mm (+-0,6 mm), espaçadas com ângulo de 60 graus (+-1 grau) entre elas e diâmetro interno do furo de 17,2 mm (+-0,8 mm), utilizada em alternadores automotivos.

8511.90.00

061

Suporte do regulador de tensão injetado em plástico PPS (40 % de fibra de vidro + 20 % mineral), submetido a tratamento de envelhecimento a 175 Graus Celsius (+-5 Graus Celsius) durante 180 a 330 minutos, tensão de ruptura mínima de 120 MPa e resistência de flexão mínima de 195 MPa, contém terminais sobreinjetados de aço baixo carbono (C340) com tratamento superficial de cobre e estanho, porca de aço 8.8 desidrogenada e estanhada, terminal para comunicação com o chicote elétrico do veículo no sentido axial da peça e 5 terminais para solda do chip de controle do regulador, deve apresentar corrente máxima de fuga não superior a 0,5 mA quando aplicada tensão de 800 Vca durante 0,2 segundos, dimensões máximas de 43,75 x 45,44 x 41,1 mm, aplicado em alternadores de veículos automóveis.

8511.90.00

062

Trocador de calor fabricado em placa de alumínio possui furos com 78 ranhuras de 0,14mm (+0,01 mm -0,02 mm) de altura, raio na ponta de 0,06 mm (+- 0,01 mm) espassadas igualmente ao longo do diâmetro do furo, aplicado em produto automotivo.

 

 

8511.90.00

063

Ventoinha fabricada em aço estampado, formada por 10 aletas dobradas e espaçadas assimetricamente com um diâmetro externo de 98 mm a 103 mm (+-0,3 mm), com furo assimétrico para montagem da peça e no diâmetro de 45,6 mm (+- 0,1 mm), possui 12 pontos para solda, aplicada em produto automotivo.

8511.90.00

064

Ventoinha fabricada em alumínio injetado, formada por 17 a 20 aletas espaçadas simetricamente, com um diâmetro externo de 210 mm (+-0,25 mm) e furo interno de 30 mm (+-0,021 mm) de diâmetro, aplicada em produto automotivo.

8512.20.11

022

Farol de neblina de lado direito e esquerdo, composto por carcaça de material plástico, sistema de regulagem, moldura interna, lente elíptica (interna) com ótica integrada e uma lente externa envernizada com material de revestimento anti-embaçamento, para aplicação de iluminação de LED, possui um módulo eletrônico, composto por placa de circuito com LED e dissipador de calor com junta e parafusos; contém vedação especial e aplicação de uma membrana óleo-fóbica a prova d'água e poeira, com função de luz de curva (cornering) para iluminação frontal do veículo automotor, possui potência de 8 W, tensão até 13,5 V, com 79 mm de altura, 93 mm de largura e 72 mm de profundidade e peso aproximado de 150 g.

8512.20.19

007

Farol de neblina com tecnologia LED (diodo emissor de luz) composto de estrutura plástica em ABS+PC, lentes em PC, molduras em PC, módulo óptico em PMMA, placa de circuito eletrônico + LED, sistema de regulagem de altura, para instalação nos para-choques dianteiros, do lado esquerdo e direito de veículos automotores, com dimensões entre 116 mm x 78,77 mm x 102 mm e peso de 0,254 kg.

8512.30.00

006

Conjunto sinalização acústica responsável pela emissão de alerta sonoro do destravamento e travamento das portas de veículo automotor, acionado pela chave de presença e telecomando, constituído em corpo fabricado em resina (PBT-GFF30) cor preta e capa do corpo fabricado em resina (PP) cor cinza, munida de terminal de aço (C2680), vibrador de aço, resistor de 680 ohm e cabos elétricos, com peso de 0,021 Kg, com comprimento de 54,6 mm, com largura de 34,8 mm e altura de 42,3mm.

8512.90.00

030

Conjunto da cabeça do braço do sistema limpador de para-brisa, em liga de alumínio fundido (A380 da ASTM B85/B85M), com anodização mínima de 5 mícrons, nas dimensões de 113,9 mm a 120,1 mm comprimento e 28 mm (+-0,1mm) de largura com cone angular de diâmetro de 10,2 mm (+0,15 mm) e ângulo de 18,55graus (-0,30minutos), controlado por perpendicularismo de 0,05, concentricidade 0,2 e planicidade 0,05, prensado com bucha de precisão de diâmetro de 8 mm (+0,06 mm) e ajustado para assegurar força mínima de 150 N, proteção a corrosão de 0,5 a 5 mícrons de estanho e pino de liga de aço-silício de diâmetro 3 mm (-0,014mm), temperado e endurecido a 750 HV1, aplicado em veículo automotivo.

8512.90.00

031

Conjunto da cabeça do braço do sistema limpador de para-brisa, em liga de alumínio fundido (A380 da ASTM B85/B85M), com anodização mínima de 5 mícrons, nas dimensões de 123,5 a 136,1 mm (+-0,5 mm) comprimento e 28,8 mm (+-0,1 mm) de largura com cone angular de diâmetro de 10,2 mm (+0,15 mm) e ângulo de 18,55graus (-0,30minutos), controlado por perpendicularismo de 0,05, concentricidade 0,2 e planicidade 0,05, prensado com bucha de precisão de diâmetro de 8 mm (+0,06 mm) e ajustado para assegurar uma força mínima de 150 N, proteção a corrosão de 0,5 a 5 mícrons de estanho e pino de liga de aço-silício de diâmetro 3 mm (-0,014 mm), temperado e endurecido a 750 HV1, aplicado em veículo automotivo.

8512.90.00

032

Suporte do braço limpador de para-brisa em alumínio (AS12U1), com pino montado para suporte da mola em um furo de 4 mm (-0,04 mm e -0,08 mm), com variação de posição máxima de 0,3 mm e uma bucha de diâmetro interno de 5,00 mm a 5,05 mm montada em um furo de 7 mm (JS7), cone para fixação do eixo do mecanismo de acionamento de 18,9 graus (-0,5 graus) e largura da cabeça de 21,9 mm (+0,07 mm e -0,23 mm), peso entre 40 g e 150 g, aplicado em veículo automotivo.

8518.10.90

001

Microfone de captação sonora aplicado em sistemas de navegadores e áudio de veículos automotivos de passageiros, compostos por circuito eletrônico com capacitores, transistores, diodos e resistores, conector elétrico de 8 vias, corpo e tampa em material plástico ABS; tipo de captação singular ou múltipla; nível máximo de pressão sonora de entrada entre 96 dB a 107 dB e sentido de captação simples ou multiangular máxima de 270 graus; tensão de trabalho padrão de 8 Vcc e corrente elétrica máxima entre 6,5 mA para captação singular e 80 mA para captação múltipla.

8518.10.90

002

Microfone simples com temperatura de operação entre -40 Graus Celsius e 85 Graus Celsius e conector de 4 vias, instalado em suporte fabricado em material plástico com dimensões de 28,6 mm X 12,5 mm x 10,7 mm e peso de 0,008 kg.

8518.10.90

003

Sistema de microfone duplo com temperatura de operação entre -40 Graus Celsius e 85 Graus Celsius e conector de 4 vias, instalado em suporte fabricado em material plástico, com dimensões entre 81,4 mm x 29,2 mm x 13,4 mm e peso de 0,011 kg.

8518.21.00

010

Sistema de som alto-falante para frequências acima de 5000 Hz do espectro audível, conector de 2 pinos, peso aproximado de 50 g com dimensões aproximadas entre 55 mm X 42,75 mm X 29,55 mm.

8518.21.00

011

Sistema único de som subwoofer com pelo menos um ressonador de helmholtz, dimensões aproximadas entre 312,9 mm X 184,1 mm x 242,9 mm e peso de 1,33 Kg.

8523.52.10

014

Transponder (TAG) de identificação veicular por meio de leitura de radiofrequência (chip de RFID), opera na faixa de ondas longas (low frequency - LF), com suporte para gravação de dados de identificação de chaves, aplicado no interior da chave próprio para comunicação criptografada com o interruptor da ignição e habilitação de partida de veículos automotivos.

8525.80.19

014

Câmera analógica/digital dos tipos aplicadas em veículos automotores, com lente de no máximo de 30 mm de diâmetro, para captura de imagens da parte dianteira e ou traseira e ou lateral do veículo para auxílio em manobras, cuja reprodução das imagens capturadas seja efetuada na central multimídia.

8525.80.19

015

Câmera de ré, de dimensões 38,15 x 46,9 x 28 mm e peso aproximado de 14,5 g, tensão de operação de 8 V a 16 V, consumo de corrente de 60 mA a 120 mA em 13,5 V, temperatura de operação de -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius, utilizada para visualização da parte traseira do carro durante o engate da macha ré.

8525.80.19

016

Câmera digital ou analógica com suporte plástico, dos tipos aplicadas em veículos automotores, com lente de no máximo de 2 centímetros de diâmetro, alimentação de 5 a 9 V, S/N ratio de 40 dB mín, para captura de imagens da parte dianteira ou traseira e ou lateral do veículo para auxílio em manobras.

8525.80.19

017

Câmera digital para aplicação em para-choque de veículos automóveis para captação de imagens do sistema SVM (Surround View Monitor), dotada de 6 lentes sendo 2 de vidro e 4 de plástico, tecnologia anti-reflexiva e hidrofóbica na lente em materiais (Al2O3, MgF2, SiO2, TiO2) e composto fluorossilano, saída no formato 1.026 (H) x 769 (V) com transmissão de sinal LVDS, e conexão PoC (Power over Coaxial) com a ECU controladora do sistema SVM, montada com microcontrolador e memória EEPROM.

8525.80.19

018

Câmera digital para aplicação em retrovisor lateral de veículos automóveis para captação de imagens do sistema SVM (Surround View Monitor), dotada de 6 lentes sendo 2 de vidro e 4 de plástico, tecnologia anti-reflexiva e hidrofóbica na lente em materiais Al2O3, MgF2, SiO2, TiO2 e composto Fluorossilano, saída no formato 1.026 (h) x 769 (v) com transmissão de sinal digital em 8 bits LVDS, e conexão PoC (Power over Coaxial) com a ECU controladora do sistema SVM, montada com microcontrolador, memória EEPROM e cabo AWG25.

8525.80.19

019

Câmera traseira do sistema de assistência a manobras em ré para veículos automóveis, com sensor VGA CMOS, 4 lentes sendo 2 de vidro e 2 de plástico, tecnologia anti-reflexiva e hidrofóbica na lente em materiais (Al2O3), (MgF2), (SiO2), (TiO2) e composto Fluorossilano, saída de vídeo no formato 720 (H) x 480 (V), possui memória Flash e conectores com terminais em liga Ni/Sn, funcionamento em 6.5 V (+/-0.5 V), com suporte para fixação em plástico (PC+ABS).

8525.80.19

020

Câmera traseira dO sistema de assistência a manobras em ré para veículos automóveis, com sensor VGA CMOS, 5 lentes sendo 2 de vidro e 3 de plástico, tecnologia anti-reflexiva e hidrofóbica na lente em materiais Al2O3, MgF2, SiO2, TiO2 e composto Fluorossilano saída de vídeo no formato 720 (H) x 480 (V), possui microcontrolador, transceptor para comunicação em rede CAN e alta e baixa velocidade, memória Flash e 2 conectores com terminais em liga (Ni/Sn).

8525.80.19

021

Módulo eletrônico de captação de imagens com lente convexa na face anterior da peça, feita de vidro, com ângulo de visão horizontal de 26 a 78 graus e ângulo de visão vertical de 14 a 42 graus, possui na face posterior da peça entrada de conector 12 pinos metálicos para alimentação do modulo que varia de 09 a 16 V, comunicação na rede de dados e saída para circuito de aquecimento do desembaçador local do para-brisa do veículo, sendo a carcaça do modulo de plástico selada contra humidade com duas abas laterais para fixação no suporte interno do para-brisa e face inferior da carcaça fixada por três parafusos, possuindo peso total entre 155 e 195 g, dimensões entre 80 e 90 mm de largura, comprimento entre 75 a 85 mm e altura entre 28 a 34 mm.

8525.80.19

022

Módulo eletrônico de captação de imagens externas ao veículo, com a função de multiplexar as imagens provenientes das câmeras de estacionamento, transmissão em tempo real das imagens na central multimídia do veículo, com alimentação do modulo variando de 8 a 16 V, constituído de carcaça de PC-ABS, placa de circuito impresso contendo componentes eletrônicos como resistores, capacitores, circuitos integrados, possui 1 conector de entrada/saída, com suportes de fixação externos e dimensões de 100 mm a 150 mm de largura, comprimento de 50 mm a 80 mm, altura de 25 mm a 50 mm.

8525.80.19

023

Tele câmera posterior digital, com suporte plástico, aplicada na parte traseira de veículos automotores, com lente de 20,00 mm ou menos, com tensão de alimentação de 6,0 V a 16,0 V DC e corrente elétrica de 100 mA a 600 mA, para captura de imagens para auxílio em manobras e visualização em sistema multimídia.

8526.92.00

003

Controle remoto para comando de trava das portas, abertura de porta-malas e alarme de veículos automóveis, dotado internamente de transponder de comunicação por radiofrequência para reconhecimento da chave pelo dispositivo imobilizador, comunicação nas frequências 125 KHz e 433.92 MHz, microcontrolador, antenas RF, bateria 3 V, sensor de movimento e sistema para mitigar risco de clonagem do sinal do transponder, base e tampa plástica.

8526.92.00

004

Controle remoto para comando de trava das portas, abertura de porta-malas e alarme de veículos automóveis, podendo ou não conter o botão de pânico, dotado internamente de transponder de comunicação por radiofrequência para reconhecimento da chave pelo dispositivo imobilizador, comunicação nas frequências 125 KHz e 433.92 MHz, microcontrolador, antena RF, bateria 3 V, base e tampa plástica.

8527.21.00

015

Central multimídia com fonte externa de energia, com tela de 10.25 polegadas do tipo IPS LCD, receptor de rádio AM/FM, touch screen, reprodutor de som do tipo USB, interface Bluetooth, sistema de telefonia (Hands Free Telephone - HFT), comunicação via protocolo CAN de alta velocidade (F-CAN) e baixa velocidade (B-CAN) entre central multimídia e unidade de controle eletrônica, interface com câmera de ré através de combinação do sensor de posição da direção via protocolo CAN, com capacidade de processamento de imagens para resoluções de 1.920 x 720 pixels, relógio, dotada de amplificador interno, compatibilidade com smartphones através do sistema mirror link 1.1 (via celular através de aplicativos carplay e android auto), do tipo utilizada em veículos automóveis.

8527.21.00

016

Central multimídia com fonte externa de energia, com tela de 3,8 polegadas do tipo mono TFT, receptor de rádio AM/FM, reprodutor de som do tipo USB, interface Bluetooth, sistema de telefonia Hands Free Telephone (HFT), com capacidade de processamento de imagens para resoluções de 266 x 104 pixels, relógio, dotada de amplificador interno, do tipo utilizada em veículos automóveis.

8527.21.00

017

Central multimídia destinada a veículos automotores, alimentada por fonte externa de energia, para recepção de rádiofusão AM/FM, conexão com tela colorida capacitiva sensível ao toque de 6 a 12 polegadas, interface Bluetooth para audio streaming e handsfree, conexão USB, interface com câmera de ré, compatível com protocolos Android Auto e Apple CarPlay, interface com barramento CAN, compatível com arquiteturas eletroeletrônicas específicas, incluindo as mensagens de diagnóstico no barramento CAN e estratégias de proteção contra roubo.

8527.21.00

018

Sistema de infotainment - AUS (informação e entretenimento), para veículos comerciais pesados para transporte de cargas ou pessoas, dotado de tela sensível ao toque de 5 a 7 polegadas, capa e botões e controles giratórios em plástico ABS e policarbonato, peso entre 1547 e 2180 g, tensão de alimentação de 12 V, corrente nominal de 10 ou 15 A, suporta entrada de áudio de diferentes fontes externas via cabo, com ou sem entrada auxiliar para conector 3,5 mm, porta USB com capacidade de 1,5 A e até 2 portas para cartão de memória SD sendo uma delas para suporte à navegação, conexão bluetooth para até dois telefones móveis simultaneamente, compatível com formatos de áudio MP3, AVI, MP4, MPG e MPEG, rádio AM/FM digital, 4 ou mais saídas de som de 20 W de potência ou mais, compatível com mirrorlink e carplay para espelhamento de smartphone, com ou sem entrada para preparação de Tv, com até 2 entradas analógicas para vídeo com suporte aos formatos PAL, NTSC e CVBS/FBAS, contém saídas 12 V para instalação de câmeras.

8529.10.19

013

Conjunto antena de baixa frequência de veículos automóveis de passageiros, responsável pela emissão de sinais de frequência de 125 kHz para o exterior ou interior do veículo, sendo captado pela chave do automóvel e utilizado na operação de travamento e destravamento das portas; com temperatura de operação entre -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius.

8529.10.19

014

Antena automotiva tripla (GSM/GPS/Iridium) com três cabos coaxiais para conectar ao módulo de telemetria do veículo, possibilita a transmissão e a recepção de dados via sinais de rádio frequência de GSM, satelital Iridium e recepção de sinais de satélite GPS e GLONASS, pesa aproximadamente 200 g, com grau de proteção IP 66 (IEC 60529), para uso em máquinas agrícolas.

8529.10.19

015

Antena automotiva tripla integrada (GSM/433 MHz/Wi-Fi) com três cabos coaxiais para conectar ao equipamento de telemetria do veículo, possibilita a transmissão e recepção de dados via sinais de rádio frequência de GSM, 433 MHz e Wi-Fi, pesa aproximadamente 200 g, com grau de proteção IP 66 (IEC 60529), para uso em máquinas agrícolas.

8529.10.19

016

Antena de captação de ondas eletromagnéticas em frequência de 125 KHz, utilizada no acionamento do sistema de entrada passiva do veículo via radiotelecomando, própria para fixação na maçaneta lateral externa de veículos automóveis.

8529.10.19

017

Antena de detecção de radiofrequência (RF) com função principal de comunicação remota em baixa frequência com o dispositivo de identificação do cliente (chave do veículo) com temperatura de operação entre -40 Graus Celsius até +85 Graus Celsius e frequência de operação de 125 +- 4 % kHz.

8529.10.19

018

Antena GNSS com função de receber sinais de satélites dos sistemas GPS e GLONASS e enviá-los para a unidade receptora, com tensão de operação que varia de 3 V a 5 V, consumo de corrente podendo variar entre 10 mA a 30 mA, e temperatura de operação entre de -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius.

8529.10.19

019

Antena para captação de ondas eletromagnéticas em frequência de 125 KHz, com sistema de comunicação e acionamento via radiotelecomando, montada no cilindro de ignição para comunicação com a chave dos veículos automotores.

8529.10.90

001

Antena AM/FM com GNSS integrado, temperatura de funcionamento entre -40 Graus Celsius e 90 Graus Celsius, tensão entre 8V -16 V, instalada em suporte, possui conector do tipo Fakra com dimensões aproximadas de 78,8mm x 118mm x 78,1mm e peso de 0,196 kg.

8529.90.90

011

Retrovisor digital para caminhões, composto por captador de imagem vertical com resolução de 2 MP e formato óptico de 1/2,8 polegadas, ângulo de abertura da lente nos formatos vertical de 127,2 graus, horizontal de 67,6 graus e diagonal de 170 graus, tensão nominal 24V, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius, grau de proteção IP69K, suporte acoplado na carroceria em liga de alumínio e materiais poliméricos (PA, POM, EPDM) e mecanismo rotacional de fechamento com ângulo de 35 graus.

8532.25.90

003

Capacitor com dielétrico de filme plástico (PET), para montagem por inserção (THT), de tipo cilíndrico, 7 mm de diâmetro e 19 mm de comprimento, ou de tipo caixa, 9 mm de altura por 13 mm de largura por 4 mm de profundidade; com terminais de cobre ou aço recoberto com cobre, estanhados, capacitância de 0,68 micro farad (+- 20%) a 100V, com a função de suprimir ruídos eletromagnéticos em motores elétricos de corrente contínua, aplicado em sistemas de ventilação automotiva.

8532.25.90

004

Capacitor de filme de poliéster, revestido com camadas de alumínio, com capacitância entre 0,5 e 2,2 microfarad, tensão de trabalho até 100 V a 25 Graus Celsius, temperatura de trabalho superior a -40 Graus Celsius e inferior a 150 Graus Celsius, fator de dissipação máximo de 1% a 1 KHz e 25 Graus Celsius (+-5 Graus Celsius), resistência de isolamento mínima de 568 megaohms, vedado com resina de poliuretano com retardante a chama grau 0 e terminais com revestimento de cobre com espessura superior a 4 micrometros e inferior a 8 micrometros, fabricado em forma de paralelepípedo com dimensões de 18 mm (+-0,2 mm) x 12 mm (+0,2 mm -0,4 mm) x 6 mm (+-0,2 mm) e com terminais em cobre de diâmetro 0,76 mm (+0,05 mm - 0,01 mm) e comprimento de 21,7 mm (+-0,3 mm), aplicado em alternadores de veículos automóveis.

8532.25.90

005

Capacitor de filme de politereftalato de etileno (PET) com encapsulamento de resina epóxi prime, isento de chumbo, responsável por filtrar ruídos, evitando que interfiram na leitura da tensão do regulador do alternador, revestido com camadas de alumínio, com capacitância não superior a 2,2 microfarad, tensão de trabalho de até 250 V a 150 Graus Celsius, temperatura de trabalho entre -40 Graus Celsius e 150 Graus Celsius, fator de dissipação máximo de 1,5% a 1 KHz e 25 Graus Celsius, resistência de isolamento mínima de 500 megaohms aplicando 100 V (+-10 V) em corrente contínua e dimensões máximas de 27x12x7 mm, com terminais de diâmetro máximo de 1,3 mm e comprimento máximo de 23 mm com revestimento mínimo de cobre de 20 micrometros e superior mínimo de estanho de 8 micrometros, aplicado em alternadores de veículos automóveis.

8533.10.00

002

Resistore de frenagem de corrente contínua (DC) para veículos elétricos, dimensões de 953 mm x 200 mm x 200 mm, peso máximo de 21,4 kg, composto por oito resistores fixos de carbono, de camada, ligados em paralelo com resistência elétrica de 3,74 Ohm, tolerância de +/- 5%, tensão máxima de 580 V, temperatura máxima de funcionamento de 82 Graus Celsius, pressão de operação variável 4 a 6 bar, refrigeração liquida, vazão de 3 L/s, consumo energético máximo de 90 kW, conexão para fluido refrigerante de 38 mm e grau de proteção IP6K9K.

 

 

8534.00.20

002

Placa de circuito impresso flexível, simples face, com 6 a 18 vias, acabamento em ouro nas áreas de contato, comprimento até 230 mm, espessura até 0,35 mm, peso de 0,5 a 1g, usada como elemento de interconexões elétricas nas chaves de setas e limpadoras de para brisas em veículos automotores.

8536.10.00

007

Fusível de ação rápida tipo lâmina com 4 saídas de capacidade de corrente entre 100 e 400 A, tempo de acionamento mínimo de 100 ms e máximo de 1,0s em sobrecarga de 600%, tensão de operação de 24V, altura entre 46,0mm e 50,0mm, largura entre 26,0mm e 30,0mm e comprimento entre 88,0 mm a 90,0mm utilizado para proteção de circuitos elétricos em veículos automotores.

8536.50.90

095

Botão de duas posições em policarbonato (PC) gravado a laser, base em PC+ABS, com placa de circuito impresso, para console de veículo automóvel com função de ligar/desligar a função Surround Viewer Monitor (SVM).

8536.50.90

096

Botão para ignição de veículo equipado com sistema Start-stop, com gravação a laser, tensão de operação entre 9 V a 16 V, iluminado com LED, antena interna de indutância de entre 440 uH e 445 uH para leitura do transponder da chave inteligente para partida em caso de emergência, botão em policarbonato com base em PC+ABS e comunicação com o módulo IBU do veículo.

8536.50.90

097

Conjunto interruptor da ignição veicular sem botão(tecla) de acionamento, com função liga/desliga do motor e travamento do volante, montado em corpo de magnésio e dotado de parafusos, molas, motor elétrico de acionamento e placa PCB, com peso de 0,497Kg, com comprimento de 101,6mm, com largura de 63,5 mm e altura de 150,4mm.

8536.50.90

098

Contator elétrico de comando do sistema Start-Stop, constituído de material (ABS NH-892L), acabamento pintado, composto de 1 conector de 10 pinos, tensão de trabalho de 10V a 16V, consumo de corrente máxima de 110mA, usado em veículo automotivo de passageiros.

8536.50.90

099

Dispositivo elétrico, caracterizado por uma manta de aquecimento composta por poliéster e TNT, resistência entre 1 e 2ohm, voltagem até 24V, com função de aquecer o banco dianteiro, utilizado em veículos automotores, normalmente apresentada nas dimensões de 554 x 575 x 20 mm e peso de 15 g.

8536.50.90

100

Interruptor de neutro, do tipo eletromecânico com função de indicar a posição neutro em caixas de transmissão de veículos leves, médios e pesados, composto por carcaça, podendo conter terminais elétricos em aço laminado a frio, zinco ou cobre, com tensão de operação entre 12V e 24V, e corrente máxima de acionamento de 5A.

8536.50.90

101

Interruptor de ré, do tipo eletromecânico com função de indicar a posição de marcha-a-ré em caixas de transmissão de veículos leves, médios e pesados, composto por invólucro metálico com conector plástico, pode conter terminais elétricos em aço laminado a frio, zinco ou cobre, com tensão de trabalho nominal entre 12 e 24V, e tempo mínimo de ciclo de vida mecânico de 500.000 acionamentos.

8536.50.90

102

Interruptor elétrico do tipo pressostato com pressão de trabalho de 0 bar a 11 bar, contato normalmente aberto e com pressão de comutação de 1,2 bar (+-0,2 bar) a 20 Graus Celsius, temperatura de trabalho de -30 Graus Celsius a +130 Graus Celsius, grau de proteção IP6K9K conector tipo (DIN 72585-A3-2.1), com 55,2 mm (+-0,5 mm) de comprimento, perfil sextavado externo para apoio SW 27 e peso aproximado de 86,0g, aplicado como sistema de segurança para transmissões veiculares.

8536.50.90

103

Painel de controle de porta para acionamento e gerenciamento de funções elétricas de vidro e travas, tensão de trabalho de 8 V a 16 V, comunicação em protocolo CAN, conector de 37 pinos, carcaça em termoplástico, botões em termoplástico, corrente de trabalho máxima de 200 mA, temperatura de trabalho -30 Graus Celsius a +80 Graus Celsius, aplicado em veículos automóveis de passageiros.

8536.50.90

104

Painel de controle de porta para acionamento e travamento dos vidros elétricos, tensão nominal de 12 V, comunicação com módulo IBU e com o módulo de controle de funções anti-esmagamento do vidro, botões em plástico PC+ASA, base inferior em plástico PC+ABS, com 5 LEDs, força de acionamento de 3.0 N.

8536.50.90

105

Terminal para conectores coaxiais de uma ou mais vias de conexão a 90 ou 180 graus fabricados em polímeros, ligas de cobre, aço e materiais ferromagnéticos, comprimento entre 15,0mm e 25,0mm, largura entre 16,0mm e 18,0mm e altura entre 12,0 mm e 24,0 mm para fabricação de conectores automotivos adequados às normas FAKRA para comunicação em alta velocidade.

8536.90.90

019

Bloco central, do tipo B-CAN, para conexão elétrica, dotado de até 44 fusíveis de 10A a 30A, e até 2 relês, para tensão de 12 V, com temperatura de operação de -35 Graus Celsius a +75 Graus Celsius, com corpo em FR-4, apresentado com peso de 610g a 757 g (± 1,5%), nas dimensões: altura de 80-47mm, comprimento de 273-180mm e largura de 186-110mm, próprio para utilização em veículos automóveis de passageiros.

8536.90.90

020

Bloco central, do tipo B-CAN, para conexão elétrica, dotado de até 46 fusíveis de 7,5A a 25A, e até 2 relês, para tensão de 12 V, com temperatura de operação de -35 Graus Celsius a +75 Graus Celsius, com corpo em FR-4, apresentado com peso de 643 g a 757 g (± 1,5%), nas dimensões: altura de 78-49mm, comprimento de 273-184mm e largura de 186-108mm, próprio para utilização em veículos automóveis de passageiros.

8536.90.90

021

Conector metálico utilizado em chave magnética de motores de partida para fechar contato elétrico entre o bobinamento e o terminal ligado à ignição do automóvel, composto de peças fabricadas por estampagem, moldagem por injeção e trefilação e com forma de "L" e comprimentos controlados de 22 mm (+-0,3 mm) e 26 mm (+-0,2 mm).

8536.90.90

022

Supressor de ruído eletromagnético, do tipo indutor elétrico, 3,6 miliohm, 2,7 microhenry, em corrente de teste de 22 A, constituído por uma bobina de 14 enrolamentos de fio de cobre de 1,4 mm de diâmetro, em torno de um núcleo de ferrita de 5 mm de diâmetro por 20 mm de comprimento, com duas extremidades livres e estanhadas, aplicado em motores elétricos de corrente contínua de ventilação automotiva.

8536.90.90

023

Supressor de ruído eletromagnético, do tipo indutor elétrico, com sistema de termo-fusível irreversível, 3,5 miliohm, 2,9 microhenry, em corrente de teste de 22 A, constituído por uma bobina de 13 enrolamentos de fio de cobre de 1,4 mm de diâmetro, em torno de um núcleo de ferrita de 5 mm de diâmetro por 22 mm de comprimento e extremidades facetadas, com duas extremidades livres e estanhadas, aplicado em motores elétricos de corrente contínua, de sistemas de ventilação automotiva.

8536.90.90

024

Supressor de ruído eletromagnético, do tipo indutor elétrico, com sistema de termo-fusível irreversível, 6,7 miliohm, 4,9 microhenry, em corrente de teste de 22 A, constituído por uma bobina de 16 enrolamentos de fio de cobre de 1,12 mm de diâmetro, em torno de um núcleo de ferrita de 5,5 mm de diâmetro por 22 mm de comprimento e extremidades facetadas, com duas extremidades livres e estanhadas, aplicado em motores elétricos de corrente contínua, de sistemas de ventilação automotiva.

8537.10.90

054

Alavanca de comando com haste de aço e manipulo de náilon e PVC provida de 2 interruptores acoplados no manipulo e conectores, para sistema elétrico de 24 volts, tem a função de controlar o movimento da caçamba de trabalho e acionamento de tração, aplicada em cabine de operação de pá carregadeira de rodas.

8537.10.90

055

Alavanca de comando, com haste fabricada em aço e manipulo de plástico, provida de 4 mini interruptores elétricos,2 botões e conectores, para sistema elétrico de 24 volts, tem a função de controlar o movimento da caçamba de trabalho, direcionamento frente e ré e acionamento de tração, aplicada em cabine de operação de pá carregadeira de rodas.

8537.10.90

056

Alavanca eletromecânica com corpo de liga de alumínio, com acionamento elétrico acionado por pistões e retorno por molas, provida de potenciômetro, sensor tipo Hall e cabos de conexão, tensão de 24 volts provida de coifa de borracha e tampa de proteção de plástico, podendo ter a função de direcionamento de locomoção, frente, ré, direita e esquerda, ou controle do implemento de trabalho, aplicada em cabine de operação de máquinas autopropulsadas.

8537.10.90

057

Caixas de distribuição, proteção e comutação apresentada com fusíveis e ou relés com tensão de trabalho entre 12 e 60 volts , composta de carcaça de plástico e dispositivos de metal, com dimensões variando entre 30 mm a 350 mm de largura, 16 mm a 160 mm de comprimento e 15 mm a 410 mm de altura e peso de 6g a 1950g, próprios para fabricação de chicotes elétricos automotivos dos tipos utilizados nos veículos das posições 8701 a 8705.

8537.10.90

058

Central de fusíveis, relês e temporizadores, montada em placa de circuito impresso de 8 camadas, de tamanho reduzido (421mm x 153mm x 27,7mm) com interface para chicote elétrico específico usado em cabinas de máquinas agrícolas, de alta resistência a vibração (tecnologia de inserção de componentes por pressão de ajuste - Press-Fit), temperatura e poeira.

8537.10.90

059

Combinações de comando com interruptores tipo alavanca para acionamento dos faróis e setas, provida de alavanca de deslocamento de direção frente, ré e neutro, tensão de 24 volts, com proteções de plástico e coifas de borracha embutidas, provida de cabos e conexões elétricas de ligação, aplicado na coluna de direção de pá carregadeira de rodas.

8537.10.90

060

Dispositivo (soquete) de acessório digital composto por 2 conexões usb para alimentação ou carregamento de baterias de dispositivos eletrônicos compatíveis.

8537.10.90

061

Distribuidor de energia DC para veículo elétrico, carcaça em liga de alumínio, dimensões de 518 mm x 390 mm x 150 mm, peso máximo 15,2 kg, potência 150 kW, corrente máxima 200 A, temperatura de operação de -10 Graus Celsius a 75 Graus Celsius, grau de proteção IP6K9K, sensores de tensão nos contadores de entrada e saída, placa eletrônica para conexão via rede CAN do veículo.

8537.10.90

062

Distribuidor de energia DC, carcaça em liga de alumínio, dimensões 441 mm x 310 mm x 181 mm, peso máximo 9 kg, tensão nominal de 650 V, tensão máxima 800 V, corrente máxima de carga 105 A, corrente máxima de descarga 130 A, temperatura de trabalho de -30 Graus Celsius a 65 Graus Celsius, grau de proteção IP6K9K, entrada para 2 a 5 acumuladores elétricos, aplicado em ônibus elétrico.

8537.10.90

063

Manípulo com corpo de alumínio encapado com proteção de plástico e borracha com detalhes antideslizantes, provido de 2 interruptores acoplados, chicote elétrico e conexão para sistema elétrico de 24 volts, tem a função de direcionamento das esteiras ao manipular a alavanca e mudança de marchas através do acionamento dos interruptores, aplicado em cabine de operação de máquinas autopropulsadas.

8537.10.90

064

Manípulo com corpo de alumínio encapado com proteção de plástico e borracha com detalhes antideslizantes, provido de 2 interruptores acoplados, chicote elétrico e conexão, para sistema elétrico de 24 volts tem a função de controle da lâmina de trabalho ao manipular a alavanca e inclinação da lâmina através do acionamento dos interruptores, aplicado em cabine de operação de máquinas autopropulsadas.

8537.10.90

065

Módulo eletromecânico de acionamento de faróis e limpadores de para-brisa aplicado na coluna de direção de veículos automotores, composto de: alavanca de comando das luzes do farol (alto e baixo), de direção (setas) e/ou auxiliares (luzes dianteira/ traseira de neblina) de baixa corrente (20mA) e alta corrente (5 a 7A); alavanca de comando do limpador de vidro dianteiro e/ ou traseiro de alta corrente (5 a 7A); componente central para interface mecânica com as demais peças do veículo; conexões elétricas para envio dos comandos para a central eletrônica de controle do veículo; temperatura de trabalho de -30 Graus Celsius a +85 Graus Celsius.

8537.10.90

066

Módulo eletrônico de entretenimento, com navegação integrada, possui comandos da tela tipo touchscreen, de 9 a 32 volts, com potência maior ou igual a 71 watts, para aplicação em máquinas rodoviárias.

8537.10.90

067

Painel de controle de 12 V com corrente máxima de 1 ampere, equipado com display de cristal líquido para informar funções, status e falhas do sistema, botões de controle e ajuste no sistema de levante hidráulico por meio de comunicação por protocolo CAN, chicote com conector, opera em temperaturas de -10 Graus Celsius até 80 Graus Celsius, peso aproximado de 1 kg, específico para uso em máquinas agrícolas.

8537.10.90

068

Unidade de controle eletrônica do sistema de tratamento de gases do escapamento, dimensões de 61 mm x 30 mm x 60 mm, tensão nominal de 24 V, temperatura variável - 40 Graus Celsius a 80 Graus Celsius, dotada de 9 terminais de contato elétrico fabricados em liga de cobre, grau de proteção IP5K3, peso máximo 0,100 kg, aplicada em caminhões e ônibus.

8537.10.90

069

Unidade de controle eletrônico do retardador hidrodinâmico, dimensão de 135 mm x 200 mm x 33 mm, tensão nominal de 27 V e corrente máxima de 2 A, contém 2 conectores com 15 pinos de contato elétrico, temperatura de trabalho variável -40 Graus Celsius a 70 Graus Celsius, peso máximo de 0,600 kg, utiliza comunicação via rede CAN, aplicada em caminhões e ônibus.

8537.10.90

070

Unidade de controle eletrônico do sistema anti-colisão, carcaça em policarbonato, estrutura em aço, terminais em cobre, dimensões de 130 mm x 86 mm x 36,9 mm, tensão de trabalho de 24 V, temperatura de trabalho variável de -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius, peso total de 165g, grau de proteção IP30, entrada para dois conectores com 18 e 15 pinos, aplicado em caminhão e ônibus.

8537.10.90

071

Unidade de controle eletrônico com comunicação "CAN Bus", transmissão de baixa frequência (125 KHz), identificação de chave de comando remoto, reconhecimento de chave para acesso ao veículo e partida do motor.

8538.90.90

007

Caixa do interruptor produzida por conformação mecânica por repuxo profundo com formato cilíndrico de aço 1.0213 com tratamento superficial de ZnNi ou zincado e passivado, de comprimento variando de 54,1 mm (+-0,3 mm) a 58,0 mm (+-0,3 mm) e diâmetro externo de 52,5 mm (+-0,3 mm) em uma das extremidades e na outra extremidade variando de 30,3 mm (+-0,2 mm) a 31,8 mm (+-0,4 mm); possui furos roscados com rosca M5.

8538.90.90

008

Caixa do interruptor utilizada em chave magnética de motores de partida, possui formato cilíndrico obtido por meio de conformação mecânica, comprimento de 46,4 mm (+-0,2 mm), diâmetros externos de 47,0 mm (+-0,3 mm) e 27,1 (+-0,084 mm), diâmetro interno escalonado em 3 partes, com valores de 23,1 mm (+-0,13 mm), 43 mm (+-0,1 mm) e 45,1 mm (+-0,1 mm), 2 a 3 furos roscados do tipo M5 e superfície com tratamento de ZnNi ou zincado e passivado.

8538.90.90

009

Carcaça produzida em plástico de engenharia por processo de injeção, na coloração cinza ou preta, com comprimento total permissível entre 30 mm e 45 mm e altura total entre 15 mm e 30 mm, utilizada na montagem do conector elétrico da embreagem magnética do compressor do sistema de ar condicionado automotivo para ligação ao circuito elétrico do veículo, sua massa permissível é de 3 a 10 g.

8538.90.90

010

Molas de contato fabricadas em liga metálica (CuNiSi), com rebite de contato com acabamento galvânico de ouro-cobalto (AuCo) aplicado na estampagem, espessura de 0,3 mm, comprimento de 23,5 mm, largura de 5,6 mm e altura de 1,7 mm, peso de 0,7 a 3 g, utilizada na fabricação de chaves de seta para veículos automotores.

8538.90.90

011

Molas de contato fabricadas por processo de revestimento galvânico seletivo em face simples ou face dupla, com espessura entre 0,2 e 0,3 mm, comprimento de 14 a 26 mm, largura de 5 a 26 mm e altura de 6 a 18 mm, peso de 0,1 a 1 g, para fabricação de interruptores elétricos de veículos automotores.

8538.90.90

012

Núcleo magnético de aço baixo carbono extrudado a frio, com diâmetro variando de 45,27 mm (+-0,07 mm) a 49,2 mm (+-0,3 mm), furo passante de diâmetro variando entre 7,6 mm (+-0,03 mm) a 9,7 mm (+-0,03 mm), dois rasgos no sentido radial com largura 6,0 mm (+-0,18 mm) e espaçados entre si por no mínimo 175graus (+-20minutos) e no máximo 180 graus, e com ressalto cônico em uma das superfícies, de diâmetro na sua base cônica igual a 17,4 mm (+-0,1 mm) e rugosidade no interior do furo igual a Rz6.

8538.90.90

013

Receptáculo fabricado em polímero próprio para conectores coaxiais de uma ou mais vias, de conexão a 90 ou 180 graus, comprimento entre 9 mm e 13 mm, largura entre 7 mm e 12 mm, altura entre 9 mm e 33 mm, podendo conter ou não selo e trava secundária, para fabricação de conectores automotivos adequados às normas FAKRA para comunicação em alta velocidade.

8538.90.90

014

Subconjunto interruptor de ignição, com sistemas de molas de contato por levantamento por meio de came (lift spring), com tensão de operação de 6 a 14 V, corrente de operação de 0,25 a 48 A, ângulo de operação de -5 graus a +138 graus, com comprimento de 75,41 mm (+-2 mm), largura de 52 mm (+-2 mm), altura de 50,69 mm (+-2 mm), peso de 54 g a 57 g, composto principalmente de resina (PA66-GF30), resina (POM/H), resina (PBT-GF30), bronze, cobre e zamak, aplicados em veículos automotores.

8539.21.10

002

Dispositivo para iluminação interna do veículo, com estrutura de proteção plástica em polipropileno na cor branca, contendo em seu interior lâmpada dicróica A60 12 W, halógena, de LED, pesando 14 g e com dimensões de 59,85 x 34,75 x 17,9 (+-0,2) mm, para tensões inferiores ou iguais a 15 V.

8539.21.90

001

Lâmpada de sinalização, própria para veículos automotores, com tensão nominal de 24 V, composta de vidro transparente ou âmbar ou vermelho, base metálica, base plástica ou base de vidro, e filamento de molibdênio ou tungstênio com potência nominal de 2 W ou 3 W ou 5 W ou 10W ou 13 W ou 16 W ou 21 W ou 24 W com peso aproximado de 0,9 g até 11,0 g, com base de 9,5 mm até 27,5 mm e com altura de 25,8 mm até 53,5 mm.

8539.29.10

003

Lâmpada de sinalização, com tensão nominal de 12 V, composta de vidro transparente ou colorido, base metálica, de vidro, plástica ou de borracha e filamento de molibdênio ou tungstênio, com potência nominal até 21 W.

8543.20.00

031

Sensor de medição de velocidade de rotação, localizado na caixa de mudança de marchas, com conector (PLUG-TIE DIN 72585 - A1-2.1 - Ag/K2), temperatura de operação entre -40 Graus Celsius a 140 Graus Celsius, resistência interna de 1050 ohms (± 100 ohms) e tensão efetiva de 0.8 V.

8543.20.00

032

Sensor de posição utilizado na caixa de transmissão, verifica qual marcha está ativa, fabricado em plástico de engenharia, que suporta temperaturas de trabalho na faixa de -40 Graus Celsius a 140 Graus Celsius, tem indutância máxima de 100 mH para 1 kHz senoidal, e resistência de 66,5 ohms (± 0,5 ohms) a 20 Graus Celsius.

8543.20.00

033

Sensor de rotação ativo de efeito Hall, constituído por circuito integrado, capaz de diferenciar o sentido de rotação, com temperatura de trabalho entre -40Graus Celsius e +130 Graus Celsius, com frequência de aquisição de até 12 KHz em rotação direta e até 6 KHz em rotação reversa, certificação IP69 e IP67, tensão de alimentação direta entre 4,3 V e 24 V, e reversa de -18 V, com consumo de corrente em espera, entre 4 mA e 9 mA e em operação entre 12 mA e 17 mA, com largura de pulso para rotação direta de 38 μs a 53 μs, e reversa de 76 μs a 104 μs, utilizado em transmissões de veículos comerciais ou de passeio.

 

 

8543.20.00

034

Sensor de velocidade de rotação, montado na caixa de mudanças, com a finalidade de medir a velocidade de rotação dos eixos e engrenagens contidos na mesma, engrenagens com largura do dente entre 3,6 e 5,3 mm, espaçamento de dentes entre 3,2 e 12,5 mm, altura do dente entre 3,5 e 11 mm, largura da engrenagem entre 2 e 58 mm, com diâmetro entre 121 e 262 mm e um espaçamento entre o sensor e o objeto de medição entre 1 e 2 mm, e suportando temperaturas de trabalho na faixa de -40 Graus Celsius a 140 Graus Celsius e temperatura máxima de 150 Graus Celsius.

8543.20.00

035

Sensor sem contato utilizado para a medição contínua da velocidade de rotação do eixo de saída da caixa de câmbio de veículos comerciais pesados para o transporte de cargas ou pessoas, peso entre 100 e 120 g, com comprimento de 126 mm, fabricado em aço, apresenta conector de 4 pinos com alimentação, terra e mais dois canais de saída, um para transmissão dos pulsos de velocidade e um outro para as mensagens criptografadas, funciona sob uma corrente máxima de operação 15 mA, a uma tensão de 6,5 a 9 V, sob uma frequência de leitura de sinal de 2 kHz.

8543.70.99

250

Chave com sistema de controle remoto alimentado por bateria de lítio do tipo moeda de 3 Volts para travar ou destravar porta e porta-malas do veículo a distância sem auxílio de chave mecânica, que aciona sistema eletromecânico agregado à porta, contendo código de combinações infinitas de números que são captadas por uma centralina e identifica os códigos numéricos transformando em pulsos elétricos que aciona o motor da trava para abertura e fechamento das portas, tendo dimensões podendo variar em 0,5 mm para mais ou para menos de 74,1 mm de comprimento, 40,4 mm de largura e 19,8 mm de profundidade.

8543.70.99

251

Módulo eletrônico para gerenciamento da rede CAN (ISO 11898) do veículo, tensão de operação de 16 V e corrente de 150 mA, possui um conector TH12HW para interface com o chicote elétrico, dimensões aproximadas de 83 mm x 60 mm x 30 mm e peso aproximado de 90 gramas.

8543.70.99

252

Sensor de velocidade para tacógrafo com temperatura de operação entre -30 Graus Celsius até + 125 Graus Celsius, tensão de operação entre 6 V a 9 V, consumo máximo de corrente de 15 mA, peso aproximado de 160 g e classe de proteção IP67+IP69K.

8543.70.99

253

Sensor eletrônico de emissão de frequência proporcional de velocidade de rotação e da posição do virabrequim, temperatura de operação de -40 Graus Celsius até +150 Graus Celsius e velocidade máxima de rotação do eixo virabrequim de até 7.500 rpm.

8544.42.00

016

Subconjunto de cabo flexível de cobre com conectores plásticos aplicados nas extremidades, composto por cabo de barramento serial universal USB (Universal Serial Bus) e cabo de sinalização diferencial de baixa tensão LVDS (Low-Voltage Differential Signaling) com função de interface de hardware externo com o módulo de multimídia, utilizado em chicote automotivo, para tensão não superior a 80 V.

8545.20.00

013

Escova de contato composta de cobre (entre 19 % e 23 % da massa total); grafite (entre 80% e 76 % da massa total); impurezas máximas de 1% de sua massa, tendo comprimento de 17,5 mm (+ - 0,3 mm), largura de 4 mm (+ - 0,15 mm) e altura de 6 mm (+ - 0,15 mm) a cordoalha é composta de cobre e possui comprimento de 51,2 mm (+ - 0,3 mm) e um diâmetro de 0,95 mm (+ - 0,1 mm), força mínima de extração de 35 N (+ - 5 N).

8546.90.00

001

Peça isolante, injetada em plástico (PPS) com 40% de fibra de vidro e 20% mineral, tensão de ruptura mínima de 120 MPa, resistência de flexão mínima de 195 MPa, com dimensões máximas de aproximadamente 90 x 58 mm, utilizada no isolamento elétrico entre as placas da ponte retificadora e com acabamento sem rebarbas nos furos que alojam os terminais do estator, aplicada em alternadores de veículos automóveis.

8546.90.00

002

Termofixo isolante, fabricado em resina fenólica reforçada com fibra de vidro, com densidade aparente entre 0,80 e 0,96 g/mL, temperatura de deflexão mínima de 182 Graus Celsius, com compressão de ruptura mínima de 7 kN, processo de estabilização por envelhecimento a 220 Graus Celsius (+- 5 Graus Celsius) durante 180 a 330 minutos, com diâmetro do furo interno entre 7,0 e 7,7 mm e diâmetro externo entre 13,7 e 14,3 mm, além de superfície do diâmetro superior com acabamento sem rebarbas, utilizado na ponte retificadora de alternadores de veículos automóveis.

8708.10.00

051

Para-choque dianteiro tripartido composto de plástico injetado, grade da entrada de ar centralizada, inferiores do para-choque dianteiro constituído em plástico PP, com espessura de 3,5 mm, com posições de clipagem, nicho para sensor de estacionamento dianteiro, grade no formato horizontal paralelo, aplicado em veículos comerciais leves; largura 1941 mm, altura 370 mm, profundidade 870 mm e massa total aproximada de 19 Kg.

8708.29.99

258

Apoio de braço central do console do veículo, com sistema mecânico deslizante no eixo Y e rotativo no plano YZ, com função de descanso de braço do condutor e/ou passageiro, com base de fixação em aço, estrutura em polímero e cobertura de PVC espumado, com dimensões de 158 mm x 249 mm x 139 mm.

8708.29.99

259

Componente estrutural da carroceria em liga de aço especial (22MnB5), fabricada por processo de estampagem a quente e blank com laminação flexível com espessura variável, próprio para suportar a suspensão e o eixo traseiro de veículos automotores, com largura entre 96 mm e 180 mm, profundidade entre 95 mm e 130 mm, comprimento entre 516 mm e 828 mm e peso aproximado de 2,67 kg.

8708.29.99

260

Componente estrutural da carroceria em liga de aço especial 22MnB5 processo de estampagem a quente, para suportar o choque frontal e lateral nas portas dianteiras de veículos automotores, com largura entre 38 mm e 45 mm, profundidade entre 180 mm e 188 mm, comprimento entre 960 mm e 1005 mm e peso entre 0,743 kg e 1,132 kg.

8708.29.99

261

Componente estrutural da carroceria em liga de aço especial 22MnB5 processo de estampagem a quente, para suportar o choque lateral nas portas dianteiras de veículos automotores, com largura entre 5 mm e 20 mm, profundidade entre 109 mm e 120 mm, comprimento entre 933 mm e 978 mm e peso aproximado de 1,55 kg.

8708.29.99

262

Conjunto atuador com carcaça em plástico do tipo ABS MTH-2, com comprimento até 850mm e largura até 450mm, com 2 motores elétricos de acionamento, com peso de até 100 g, utilizado para movimentação de espelhos retrovisores externos em veículos automóveis de passageiros.

8708.29.99

263

Difusor de ar lateral sem sistema de fechamento (shut off), composto por carcaça fabricada em ABSPC ou PPM36, aletas primárias em PA6 com variação entre 30% a 60% de fibra de vidro; aletas secundárias em PA66, PPT40, ABS ou POM e, com ou sem manípulos de difusores, em ABSPC utilizado para regular a direção e fluxo do ar no habitáculo dos veículos automóveis provenientes dos sistemas de climatização.

8708.29.99

264

Difusores de ar centrais ou laterais, feitos em PC/ABS, com ou sem espaço para inserção de módulo multimídia com ou sem manípulo para ajuste da direção do fluxo de ar aplicado em sistemas de climatização do habitáculo de veículos automotivos.

8708.29.99

265

Medalhão próprio para utilização no reforço do painel de portas e no acabamento estético do apoio de braço de veículos automotivos, fabricado em fibra natural (placa de nfpp) termoformado através de uma cola adesiva p rm10007/adesivo (k-169-ht2-sk) junto a vinil dx9 (ltu)/(ps4), com dimensões de comprimento 780mm, largura 110mm, altura 215mm e com peso 406 gramas.

8708.29.99

266

Peça estampada em aço laminado a frio revestida com duas camadas, sendo uma em (Al-Si-Fe) e outra com (Al-Si), ambas as camadas com peso de 60 g/m2 cada, espessura total de 0.4 mm, com borda dobrada por meio de grafagem de 2.5mm a 5.0mm, aplicada sob o assoalho de veículo como defletor de calor proveniente do sistema de escape.

8708.29.99

267

Racks de teto dotados de duas bases de suporte, um perfil, estrutura de barra em alumínio e capas em acrilato de acrilonitrila e estireno, com peso de cada conjunto de até 1,700 g.

8708.30.90

081

Came com haste fabricado em aço e plástico de alta resistência mecânica, utilizado na montagem de válvula freio de mão com temperatura de trabalho entre +80 Graus Celsius e -40 Graus Celsius, responsável pela frenagem de estacionamento e frenagem auxiliar de veículos comerciais com sistema de freio a ar; possui 29 mm de diâmetro e 111,5 mm de comprimento e peso de 18 g.

8708.30.90

082

Conjunto montado do sistema de freios, composto de pedais de acionamento e válvula de duplo estágio, com ou sem alimentação de potência, com pressão máxima do freio de 21000 kPa, aplicado em tratores de uso agrícola.

8708.30.90

083

Conjunto trava esquerdo do sistema de regulagem manual do freio, composto por corpo (encapsulamento) e anel de encosto, ambos de aço baixo carbono e mola de aço inoxidável com função de retorno do parafuso de regulagem, o mesmo possui formato cilíndrico com alguns entalhes para melhor encaixe do anel de encosto das molas, o mesmo possui três entalhes equidistantes a 120 graus, máximo diâmetro externo do encapsulamento de 29,8 mm e peso de 22,0 g (+-3,0 g); o mesmo é utilizado no sistema de ajuste manual dos conjuntos de freio a tambor de caminhões e ônibus.

8708.30.90

084

Freio a tambor de 8 a 9 polegadas tipo simplex, com 4 fixações, largura da lona de freio variando entre 39 e 42 mm composto por prato de freio metálico estampado, duas lonas e ajuste automático aplicado em veículos automotores.

8708.30.90

085

Pedal de freio em aço, com pedaleira em borracha EPDM, equipado com dois sensores sem contato do tipo sensor Hall, aplicado a veículos comerciais pesados para transporte de pessoas ou cargas, apresenta duas saídas analógicas com fonte de alimentação de 5 V e aterramento separados, classe de proteção contra intrusão IP6K6, com conector de 6 polos, peso entre 500 a 1800g.

8708.30.90

086

Pinça de freio traseira com pistão de diâmetro 43 mm contendo pastilhas de freio com indicador de desgaste mecânico, molas de retorno das pastilhas e motor elétrico para função de freio estacionamento elétrico (EPB); composto predominantemente por ferro fundido e aço, cobertura do motor elétrico em plástico "PBT" reforçado e peso aproximado de 6,0 kg.

8708.30.90

087

Pistão Relê composto de borracha e nylon com peso aproximado de 40 g, sem rebarbas, pressão de trabalho de até 10 bar e diâmetro máximo de 90 mm e espessura máxima de 22 mm, possui um furo de diâmetro de 14,1 mm (+ 0,07 e -0,05) por 14 mm de profundidade e contém um rebaixo de diâmetro de 83h9 (+0 e -0,087 mm), com função de atuar no controle da passagem de ar nas válvulas moduladoras em sistemas de freio ABS para veículos comerciais.

8708.30.90

088

Servo freio para veículos automotivos do tipo tandem com diâmetro de 254 mm (+/-1,0 mm) e largura de 166 mm (+/-1,5 mm) com cilindro mestre com diâmetro de 28,57 mm e reservatório para fluído de freio, contém uma haste de acionamento localizada no centro na parte traseira com comprimento de 157 mm (+/-1,5 mm) e diâmetro de 11 mm (+/-1,0 mm) e peso total do conjunto de 3.900 g (+/- 100 g).

8708.30.90

089

Servo freio, montado, do tipo tandem, com diâmetro de 20,3cm (+/-1,5mm) e deslocamento de até 32,3mm (+/-1,5mm), com pressão do fluído de 70 bar, com cilindro mestre, ajustador, mola de retorno e lona de freio com 30mm x 4,5mm x 110 graus, com peso de 2170 g ± 3%, próprio para utilização em veículos automóveis de passageiros.

8708.30.90

090

Servo freio, montado, do tipo tandem, com diâmetro de 22cm (+/-1,5mm) e deslocamento de até 29,6mm (+/-1,5mm), com pressão do fluído de 70 bar, com cilindro mestre, ajustador, mola de retorno e lona de freio com 42mm X 4,5mm x 110 graus, com peso de 3090 g ± 3%, próprio para utilização em veículos automóveis de passageiros.

8708.30.90

091

Suporte de plástico de injeção técnica de alta complexidade (PA 6+30%) com fibras (PL4510FVF30), tipo (DOMAMID 6G30) preto, resistente a grandes variações de temperatura (- 40 a +80 graus celsius) e bucha de latão, utilizado na montagem de válvula freio de mão responsável pela frenagem de estacionamento e frenagem auxiliar de veículos comerciais (componente de segurança); possui dimensões externas de 29mm de diâmetro x 111,5mm de comprimento e peso de 39g.

8708.30.90

092

Tubo híbrido, para freio hidráulico automotivo, formado por parte de borracha vulcanizada não endurecida (MS269-03) e parte em aço carbono (SPHC-P), dotado de clipe metálico (SK5) e acessórios do tipo fêmea, para conexões, podendo conter mola de aço (SUS304), com peso de 150 a 200 g +- 8.55%, nas dimensões: comprimento de 580 mm e largura de 17 +- 0.2 mm, próprio para utilização em veículos automóveis de passageiros.

8708.40.90

104

Bomba de engrenagem interna tipo gerotor com rotores fabricados em aço sinterizado, rotor externo com diâmetro externo de 59,15 mm (-0,02 mm), diâmetro interno de 36,66 mm (+0,035 mm), largura de 19,96 mm (-0,02 mm) e 7 dentes, rotor interno com diâmetro externo de 43,669 mm (-0,035 mm), diâmetro interno de 29,43 mm (-0,01 mm), largura de 19,965 mm (-0,015 mm) e 6 dentes, com peso total aproximado de 365 g, aplicado em transmissões para veículos comerciais.

8708.40.90

105

Carcaça fundida em alumínio (A-380 - liga de alumínio + silício + cobre + zinco) com faces usinadas, para apoio de vedadores, eixos, rolamentos, varões e sensores, montada na parte traseira de transmissões médias e pesadas, protegendo toda a parte de sincronização, engrenagens e rolamento do sistema planetário, aplicada em transmissões manuais e automatizadas de caminhões médios e pesados, com peso nominal de 5,2 kg, com profundidade nominal de 98 mm, altura nominal de 399 mm, e largura nominal de 300 mm.

8708.40.90

106

Carcaça metálica fabricada em aço microfundido nitrocarborizado, com dureza superficial homogênea HV1 em 900 na profundidade entre 0,01 mm e 0,02 mm, para seletores de marcha da transmissão manual de veículos automotores.

8708.40.90

107

Carcaça principal do seletor de marchas da transmissão em liga de alumínio (GMW 5M-AL-C-D-Si9 Cu3-Fe1-F) injetada sob alta pressão, com dimensões de 115 mm +10 mm de largura por 90 mm +10 mm de comprimento, 156 mm +10 mm de altura e peso líquido de 0,6 kg +/-0,2 kg, para montagem da transmissão manual, para acoplamento em motores gasolina e/ou etanol com torque máximo de 210 Nm destinados a aplicação de trabalho contínuo em veículos comerciais e leves de uso terrestre, com a função de alojar interruptores, retentores, rolamentos, conjunto de eixos, sistema de mudança (hastes, linguetas, pinos, pastinhas), vedar os componentes imersos ao óleo, suportar os esforços do motor e isolar o ruído gerado pelo conjunto de engrenagem, aplicada em veículos automóveis comerciais e leves.

8708.40.90

108

Carcaça traseira de transmissão manual para caminhonetes, sendo peça fundida em alumínio (A-380 - liga de alumínio + silício + cobre + zinco), com fases usinadas para apoio de vedadores, eixos, rolamentos, varões e sensores, medindo 152 mm x 238 mm x 203 mm e peso de 4,28 kg.

8708.40.90

109

Carcaça traseira de transmissão manual para caminhonetes, sendo peça fundida em alumínio (A-380 - liga de alumínio + silício + cobre + zinco), com fases usinadas para apoio de vedadores, eixos, rolamentos, varões e sensores, medindo 254,4 mm x 275 mm x 211,50 mm e peso de 4,88 kg.

8708.40.90

110

Carcaça traseira de transmissão manual para caminhonetes, sendo peça fundida em alumínio (A-380 - liga de alumínio + silício + cobre + zinco), com fases usinadas para apoio de vedadores, eixos, rolamentos, varões e sensores, medindo 255 mm x 257 mm x 211,5 mm e peso de 4,86 kg.

8708.40.90

111

Conjunto de freio de inércia, sendo dispositivo hidromecânico composto por carcaça em ferro fundido, discos de frenagem por atrito, engrenagem e rolamento, para frenagem do contra-eixo, aplicado em caixas de transmissão automatizadas para veículos semi-pesados, com capacidade de frenagem entre 372 e 473 Nm e capacidade de máxima rotação de 180 graus, com peso de 9,98 Kg e dimensões de 150x145x125 mm.

8708.40.90

112

Conjunto de placa estampada em aço a partir do processo de fine blank, com espessura de 8 mm (+-0,5 mm), diâmetro externo de 314 mm (+- 0,5 mm), com 20 ressaltos circulares estampados de diâmetro 12 mm (-0,1 mm) e 3 mm (+2 mm) de altura, dispostos num diâmetro de 286 mm com desvio de posição de 0,12 mm para cada ressalto, placa soldada junto a um corpo de acoplamento forjado a partir de aço para cementação, nas dimensões de diâmetro externo 192 mm diâmetro interno 144,5 mm, altura 32,1 mm, com denteado externo contendo 63 dentes, módulo 3, diâmetro de fricção retificado num ângulo de 6 graus 30 minutos (-6minutos) e rugosidade (Rz) 2 após a soldagem e peso total aproximado de 4,2 kg.

8708.40.90

113

Conjunto planetário do eixo de saída, aplicado em transmissões de caminhões semi-pesados, sendo dispositivo mecânico com função de transmissão de torque da caixa principal ao eixo cardã, contendo engrenagens planetárias, carcaça e eixo de saída, aumentando a relação de marcha da caixa de 5 para 10 velocidades, com capacidade de torque de até 1.100 Nm, peso de 24,77 kg e dimensões da base com 165 mm de diâmetro x 64 mm de altura e do cilindro com 80 mm de diâmetro x 230 mm de altura.

8708.40.90

114

Placa de Acoplamento em aço a partir do processo de fine blank, com espessura de 8 mm (+-0,12 mm), contendo 6 furos variando diâmetro de 25,1 mm a 41,16 mm (+0,07 mm) com erro de posição de 0,25 mm em relação ao denteado, contém 3 furos variando diâmetro de 28 mm a 40 mm (+0,2 mm e -0,1 mm) com erro de posição 0,45 mm em relação ao denteado, denteado interno fabricado no processo de fine blank com ficha técnica especifica de 63 dentes, módulo 3, ângulo de pressão 20 graus, peso aproximado de 4 kg.

8708.40.90

115

Placa de acoplamento em aço a partir do processo de fine blank, com espessura de 8 mm (-0,15 mm), contendo 2 furos diâmetro 41,16 H9 com erro de posição 0,25 mm em relação ao denteado, contém 2 furos diâmetro 40 H9 com erro de posição 0,25 mm em relação ao denteado, denteado interno fabricado no processo de fine blank com ficha técnica especifica com 63 dentes, módulo 3, ângulo de pressão 20 graus, peso aproximado de 2,6 kg.

8708.40.90

116

Placa estampada em aço com resistência de núcleo superior 420 MPa obtida a partir do processo de fine blank, com espessura de 7mm (+-0,15mm), diâmetro externo de 303mm (-1,0mm), com 21 ressaltos circulares estampados de diâmetro 12mm (-0,1mm) e 3,2mm (-4,1mm) de altura, dispostos no diâmetro de 286 mm com desvio de posição de 0,06mm para cada ressalto e estriado interno parcialmente induzido de 58 dentes, 30 graus de ângulo de pressão e módulo 3mm com perpendicularidade de 0,03mm com relação a face de referência, peso aproximado de 2,5 kg.

8708.40.90

117

Ponte suporte de fixação dos cabos de mudança de marchas (seleção e engate) no suporte do cabo ou na alavanca de mudança de marchas manual do veículo injetado em plástico específico com dois pinos de 6,06 mm por 8,06 mm para a alavanca e dois pinos de 5 mm por 10,4 mm para o suporte dos cabos, furação de diâmetro 7,9 mm, parafuso e retentor metálicos, para cabo e alavanca da caixa de marchas manual de veículos automóveis.

 

 

8708.50.99

062

Alojamento metálico clinchado ou estampado para fixação do coxim da suspensão, formato cilíndrico, com ou sem furo em uma das paredes, com ou sem encaixe aparente sem solda, rebaixado ou não em ambas as extremidades, com dimensões de diâmetros entre 18,5 mm até 80 mm, com tolerância de +0 -0,2 mm e comprimento entre 25 mm até 100 mm com tolerância de +0,5 -0 mm.

8708.50.99

063

Conjunto de acionamento da roda para eixo dianteiro através de rolamentos de rolos integrados com os flanges, cubos e ponta de eixo, manufaturados em alto carbono forjado e temperado em regiões, dotado de selos em borracha especiais, com estrutura interna de aço e diversos lábios de vedação, rolamento de rolos integrado Geração 3 conforme especificações (SAE J1128 e SAE J1344) com função de interface entre os componentes rotativos e não rotativos da suspensão do veículo automóvel utilitário.

8708.50.99

064

Eixo Cardan dianteiro com capacidade máxima de torque 2500 Nm, utilizado para atuação em módulo 4x4, transmitindo 50% do torque total do motor e câmbio para a porção dianteira do veículo automóvel, apresentando interface com eixo dianteiro do tipo cruzeta com design Open Bearing Cup 1344, com injeção de plástico na fixação da cruzeta e interface com caixa de transferência do tipo junta deslizante (CV joint) 2700 com padrão de 6 furos circular.

8708.50.99

065

Eixo cardan traseiro, com capacidade máxima de torque 3500Nm utilizado para atuação em módulos 4x2 ou 4x4 transmitindo 50% ou 100% respectivamente, do torque total do motor e câmbio para a porção traseira do veículo automóvel, apresenta interface com caixa de transferência ou transmissão do tipo junta deslizante com cobertura niquelada e interface com eixo traseiro do tipo cruzeta com design (open bearing cup 1355), com injeção de plástico na fixação da cruzeta; eixo com peso total não superior a 9kg e dimensões aproximadas de 1400mm de comprimento e 92mm de diâmetro.

8708.50.99

066

Estrutura para carga vertical em aço que após o processo de industrialização aloja o sistema de transmissão conjunto e suporta cargas verticais de até 13 toneladas; dimensões: comprimento 1495,0mm a 1660,0mm; altura na região central: 185,0 mm a 265,0 mm; largura na região central: 100,0mm a 160,0mm, peso de 19 kg a 55 kg.

8708.50.99

067

Flange do eixo traseiro da suspensão traseira, estampada em aço (EN 10149-2 - S355C), com espessura mínima 13mm, diâmetro interno mínimo 95,0mm, largura máxima 170mm, e comprimento máximo 170mm para veículos automóveis.

8708.50.99

068

Tampa da carcaça do eixo de transmissão para ônibus e caminhão, composto de aço; dimensões: diâmetro externo: 336,0mm a 496,0mm; profundidade: 105,5mm a 167,5mm; espessura: 7,3mm a 11,3mm; contém furo roscado, peso de 7 kg a 24 kg.

8708.80.00

072

Suspensão independente com feixe de transversal de 17 mm para suportar a carga do veículo de até 1900 kg, amortecedores telescópicos de comprimento mínimo de 301 mm e máximo de 400 mm, freios hidráulicos a disco com pistão duplo e caixa de direção hidráulica com curso de 180mm, (RATE 47,37 mm/girox), pressão de 100 bar e pinhão cremalheira.

8708.92.00

038

Conjunto do tubo do diferencial de pressão do escapamento de veículo automóvel comercial, composto de sensor de pressão, tubos rígidos em aço inox, tubo flexível em borracha e suportes em aço carbono.

8708.92.00

039

Válvula acústica de escape com torque mínimo de 0,36 Nm e máximo de 0,5 Nm, com mola fabricada em aço inoxidável (NAS530); bucha e capa da mola fabricada em aço inoxidável (SUS436MT), pesando 140 g com 80 mm de comprimento e 90 mm de largura, para uso em escapamento automotivo de veículos de passeio, com função de atenuar as frequências acústicas e pressão do sistema de escapamento quando operado em condições de fluxo de gás máximo oriundos do motor de combustão.

8708.94.90

015

Absorvedor metálico sobreinjetado em zinco UNS Z35533 montado em dispositivo na estrutura do volante do veículo automóvel com aceleração de 1.414g (pico a pico), resistente a chama conforme FMVSS n° 302 e possui rastreabilidade serial, dimensões: 154,7x65,4x30,2mm, Massa: 279g.

8708.94.90

016

Botão de acionamento de buzina montado no módulo air bag com função principal transmitir a força exercida pelo condutor na cobertura do air bag para a trilha de buzina acionadora e guia da mola em plástico (PA6-GF40), mola de montagem em aço trefilado a frio EN10270-01-SH e ponte de contato em aço inoxidável EN10088, com dimensões de 014,2x34,7 mm, massa: 6 g, para veículos automóveis.

8708.94.90

017

Conjunto de eixos, superior e médio, montados pelo acoplamento eixo-furo de perfil redondo estriado trapezoidal, fabricado por processo de usinagem conjunta do par, deslizantes longitudinalmente, com folga de engrenamento controlada, com comprimento total superior ou igual a 280 mm (quando retraído) e inferior ou igual a 352 mm (quando expandido), diâmetro externo escalonado entre 10 mm e 35 mm, com massa de 800 g (+-100 g), aplicado no eixo principal de colunas de direção de veículos automotivos.

8708.94.90

018

Conjunto garfo de apoio do engrenamento cremalheira pinhão com massa de 80 g (+- 8 g), composto de liga em Zamak ejetado com diâmetro de 31 mm (+- 0,2 mm) e altura de 28 mm (+- 1 mm) com vedação em borracha nitrílica 80 e lâmina de baixo atrito auto lubrificante de três camadas (politetrafluoretileno + bronze sinterizado + metal base) utilizado em caixa de direção, com a função de sustentar a cremalheira junto ao pinhão sem folga de engrenamento, com baixo atrito, vedação de saída de graxa, entrada de impurezas e redução de ruído para o interior do veículo.

8708.94.90

019

Cremalheira hidráulica montada, com massa de 2030 g (+-100 g), constituída por cremalheira de aço (DIN C40), tratada termicamente, retificada, de 30 dentes, com diâmetro externo de 24,012 mm (+- 0,011 mm) e comprimento total de 624,90 mm (+- 0,35 mm), com batimento radial máximo de 0,2 mm e extremidades usinadas internamente com rosca M14 x 1,5, possui um conjunto hidráulico de comprimento 18,35 mm (+- 0,45 mm) montado sob pressão, em sua região intermediária, formado por um pistão hidráulico de aço com o-ring e anel de retenção, aplicada em caixas de direção hidráulicas de veículos automotivos.

8708.94.90

020

Eixo de entrada com dimensões de contorno de 255 mm x 33 mm (+- 0,5mm), construído em aço conforme EN 10305-2, com peso de 580 g (+- 58 g), aplicado na coluna elétrica de direção para transferência de movimentação rotacional do volante, constituído de um perfil dentado interno (engrenagem) de alta precisão conforme ISO 4156 de 133 mm de comprimento e diâmetro primitivo de 19 mm, com variação máxima ao longo do comprimento do perfil dentado de 0,012 mm, contendo numa das extremidades um perfil externo apropriado para acoplamento do volante do veículo, resistência a um torque mínimo de 250 Nm, constituído de um diâmetro externo de 30 mm (+-0,003 a 0,017 mm) para mancalização através de rolamento.

8708.94.90

021

Eixo pré-acabado, usinado, de aço (SCM440), com comprimento entre 235 mm e 265 mm e perfil externo escalonado, de diâmetro superior ou igual a 13,1 mm, e inferior ou igual a 24 mm, com a presença de serrilhado reto de precisão com dentes cegos e usinagem de canal para parafuso transversal em sua extremidade, com massa de 530 g (+-53 g), utilizado para a fabricação de pinhões mecânicos de caixas de direção automotivas.

8708.94.90

022

Eixo semiacabado de aço (JIS S43C), com densidade aproximada de 7700 kg/m3, usinado, escalonado, com diâmetro externo inferior ou igual a 20,95 mm, e superior ou igual a 8 mm e batimento radial de 0,05 mm máximo, com massa inferior ou igual a 140 g, utilizado na fabricação de eixos sem fim de colunas de direção eletricamente assistidas.

8708.94.90

023

Eixo semiacabado, de aço (S43C) tratado termicamente, de comprimento 155 mm (+-0,1 mm), escalonado, com diâmetros externos entre 14,12 mm e 22,41 mm, com furo interno longitudinal passante, e conjunto externo de quatro canais maiores e quatro canais menores simetricamente espaçados, usinados longitudinalmente, com rasgo de chaveta externo em sua extremidade e massa de 226 g (+-22 g), utilizado para a fabricação eixos de entrada de caixas de direção hidráulicas de veículos automotivos.

8708.94.90

024

Eixo vazado, escalonado, com diâmetro externo entre 11,5 mm e 33 mm e espessura de parede entre 1,5 mm e 3,3 mm, com mecanismo para trava de volante, serrilhado interno, rosca e serrilhado externos e usinagem de canais ao longo da peça, com massa de 410 g (+-60 g), utilizado como eixo superior na coluna de direção de veículos automotores.

8708.94.90

025

Eixo vazado, forjado e usinado de aço (JIS S43C) tratado termicamente por indução, escalonado, com diâmetro externo superior ou igual a 12 mm e inferior ou igual a 26 mm e perfil interno escalonado com variação de diâmetro entre 8,5 mm e 11 mm, com recartilhado externo, além de duplo facetado em parte do eixo e com serrilhado externo em uma de suas extremidades, com massa de 120 g (+-30 g), utilizado como eixo de entrada na coluna de direção elétrica (C-EPS) de veículos automotores.

8708.94.90

026

Eixo vazado, usinado de aço (JIS S43C), escalonado, com diâmetro externo superior ou igual a 13 mm e inferior ou igual a 35 mm e perfil interno entre 8,5 mm e 17,6 mm, com serrilhado com canal arredondado e rosca externos para conexão em uma de suas extremidades, tal como furo de perfil na sua outra extremidade para conexão com eixo facetado duplo, com massa de 230 g (+-70 g), utilizado como eixo inferior de colunas de direção eletricamente assistidas.

8708.94.90

027

Engrenagem com diâmetro externo de 97,628 a 102,047 mm (+- 0,071 mm) e espessura de 17 mm (+- 0,1mm), com peso de 200 g (+- 20 g), dentes helicoidais com classe de precisão 10 conforme norma DIN 3962 partes 1 e 2 e DIN 3963, moldada e composta por dois materiais plásticos distintos, dentes sobre injetados em material Nylon (MSamid3) sobre um núcleo ou alma em material (Grivory GV 5H) termoplástico reforçado com fibra de vidro que também é sobre injetado sobre um cubo de aço conforme norma DIN EN 10277-Pt4 e resistência de 580 a 680 MPa, resistente a torque de operação de 72 Nm e resistência mínima a torção de 325 Nm.

8708.94.90

028

Mancal da cremalheira, injetado e usinado, de alumínio (ADC12 ou SAE A383), com comprimento entre 27,0 mm e 28,5 mm, diâmetro externo entre 27,5 mm e 33,5 mm, com usinagem de dois canais externos para o-rings em seu corpo, montado com lâmina de material multicamadas autolubrificante, aplicado em caixas de direção automotivas para a mancalização de cremalheiras padrão de 22 mm, 24 mm ou 26 mm, com massa de 40 g (+-10 g).

8708.94.90

029

Ponteira de direção montada para aplicação em caixa de direção automotiva, com torque de movimentação livre a temperatura ambiente superior ou igual a 0,3 Nm e inferior ou igual a 3,5 Nm, ângulo de trabalho de flexão mínimo de +-26 graus, com massa de 607 g (+-60 g) e comprimento entre o centro da esfera e a extremidade da carcaça aproximado de 209 mm, composta por carcaça de aço (DIN 30MnVS6) com revestimento zinco-níquel, haste roscada de aço (DIN 41CrS4) tratada termicamente com esfera usinada, bucha de plástico (POM), guarda-pó externo de borracha, capa inferior de aço e par de anéis de fixação.

8708.94.90

030

Rótula axial montada para caixa de direção automotiva, com comprimento superior ou igual a 220 mm e inferior ou igual a 360 mm, composta por uma haste metálica roscada de aço, com revestimento superficial (zinco-níquel ou KTL), usinagem de canal externo, além de uma esfera usinada na sua extremidade com diâmetro externo entre 22 mm e 26 mm, sobre a qual se monta uma capa de plástico de baixa fricção, graxa e uma carcaça de aço, a qual possui uma outra rosca em sua extremidade , massa total do conjunto de 540 g (+-160 g).

8708.94.90

031

Rótula axial montada, para aplicação em caixa de direção automotiva, com comprimento superior ou igual a 220 mm e inferior ou igual a 240 mm, composta por uma haste metálica roscada (M14 x1,5) de aço (DIN 30MnVS6 mod), com revestimento zinco-níquel, usinagem de canal externo e rebaixos hexagonais, além de uma esfera usinada na sua extremidade sobre a qual se monta uma capa de plástico de baixa fricção (POM), graxa e uma carcaça de aço (DIN C15 mod), a qual possui uma outra rosca (M14 x 1,5) em sua extremidade ,massa total do conjunto aproximadamente 650 g (+- 65 g).

8708.94.90

032

Tampa do conjunto garfo de apoio regulador de folga com massa de 40 g (+- 4 g), altura 14 mm (+- 1 mm), diâmetro de 30,1 mm (+- 0,3) composto por corpo em liga de zinco ejetado de rosca M33 com vedação de anel de borracha nitrílica 70 utilizado em caixa de direção, com a função de regular e manter a folga do engrenamento, pinhão cremalheira e responsável por manter o mecanismo de direção estável proporcionando baixo ruído.

8708.94.90

033

Tubo de aço (STKM12B), com pintura superficial externa parcial, comprimento de 213,2 mm (+-0,5 mm), diâmetro externo de 45 mm (+-0,05 mm) e espessura de 2,3 mm (+-0,115 mm), com cortes transversais de perfil, com massa de 485 g (+-48 g), aplicado como tubo superior em colunas de direção elétricas de veículos automotivos.

8708.99.90

159

Alavanca seletora de modo de condução, para veículos comerciais pesados para transporte de pessoas ou carga equipados com caixa de mudança automática ou automatizada, peso entre 265 e 335g, com ou sem função de comando para freios auxiliares do tipo hidráulico e/ou motor, fabricada em plástico (PA-1GF-B), com tensão de operação de 5V e conector de 12 ou mais pinos com alimentação, terra e sinais de saída digitais e analógicos.

8708.99.90

160

Alternador elétrico de 14 Volts com corrente nominal igual ou maior a 200 Amperes, com ventilador externo para alta eficiência de resfriamento e geometria restritiva para redução de sucção de resíduos suspensos, com rotação máxima de até 12000 rpm, temperatura de operação de -40 Graus Celsius até 110 Graus Celsius e proteção IP54, com peso igual ou superior a 8 kg, específico para uso em máquinas agrícolas.

8708.99.90

161

Articulação dupla ou eixo cardan fabricado em aço forjado com alta capacidade de transmissão de torque, composto por duas juntas de velocidade constante, do tipo entalhado macho e entalhado fêmea com anel de retenção, com sistema de lubrificação integrado, vedações especificas para trabalho submerso em meio abrasivo e juntas deslizantes nas conexões entre os tubos, soldados por fricção; comprimento máximo de 2.455 mm e peso aproximado de 11,15 kg.

8708.99.90

162

Cabos de acionamento do sistema de segurança de fechadura de portas, compostos por cabeamento em aço, espuma de baixa densidade, clipe de fixação à maçaneta externa, pino-guia e peso total entre 52 e 71 gramas.

8708.99.90

163

Conjunto coxim dinâmico aplicado na porta traseira de veículo automóvel de passageiro, composto de estrutura metálica de fixação, massa em material (SS400) ou equivalente, borracha vulcanizada entre os componentes metálicos, capaz de resistir a teste de durabilidade vibracional de 1.000.000 ciclos em 10 Hz com deslocamento máximo de 8 mm sem apresentar quebra ou separação da borracha.

8708.99.90

164

Conjunto da manopla para transmissão manual ou automática, contém poliamida PA 6 e ABS/PC + TPU, com identificação de 4 a 6 posições + marcha ré e peso de 184g (+/-50 g).

8708.99.90

165

Moldura plástica da alavanca de marchas, com indicador luminoso, aplicado em veículos automóveis de passageiros com transmissão automática, composto por placa de policarbonato com gravação impressa a laser, guia de luz em policarbonato, placa eletrônica com LEDs, circuito de controle e carcaça em plástico; tensão de operação de 12 Vcc.

8708.99.90

166

Pedal de acelerador potenciométrico dotado de identificação de posição de acionamento, com faixa de tensão de operação entre 0 a 5 V com redundância de sinal, composto por carcaça plástica, molas, sensores de posição, elementos fixantes e protetores contra poeira, destinado a veículos automóveis.

8708.99.90

167

Pedal do acelerador dotado de sensor sem contato, com envio continuo de sinais analógicos redundantes de sua posição angular para comando do motor de veículos comerciais pesados para transporte de pessoas ou carga, peso entre 590 e 650 g, com ângulo de abertura de até 25,2 graus, com função "kickdown", dotado de conector de 6 pinos ou mais, contém dois canais de saída de sinais, alimentação de 5 V e terra, com carcaça e pedal constituídos em plástico PA66-GF30 e mola em aço, suportando cargas normais de até 1200 N, cargas laterais de até 400 N, e cargas reversas de até 1200 N, com grau de proteção contra intrusão IP69.

8708.99.90

168

Peso compacto para aplicação em sistemas de levante hidráulico dianteiro de tratores agrícolas, com peso entre 900 e 1100 kg, em bloco único com arestas arredondadas, com ou sem suporte para barra de tração dianteira, com pinos nas laterais para içamento e suporte superior também com pinos para engate de um terceiro ponto do trator.

8708.99.90

169

Reservatório de água do sistema de aferrecimento fabricado em PP com capacidade máxima de 1,7 L e peso de 0,33 Kg (+-10 %) quando vazio; aplicado exclusivamente para veículo automóvel de no mínimo 8 passageiros e/ou veículos para o transporte de cargas leves.

8708.99.90

170

Suporte para fixação da roda sobressalente, responsável pela fixação do conjunto roda/pneu estepe de diversos tamanhos diferentes (16, 17, 18, 19, 20 e 21 polegadas), na parte inferior da carroceria, composto de fio de aço moldados e soldados de 8 ou 10 mm de diâmetro, fixado com gancho de aço moldado e regulagem com rosca, com preto fosco pintado.

8708.99.90

171

Tubulação de abastecimento completo de uréia composto por tampa de vedação em material plástico em polieacetal com função de liberação de pressão e gases presentes no tanque de uréia, e tubulações de envio com comprimento linear de 487 mm e retorno com comprimento linear de 410 mm, fabricados em termoplástico, responsável pelo o envio e retorno de uréia no ato de abastecimento, fixado no lado direito do veículo próxima à porta do passageiro; peso aproximado de 0,420 kg.

8708.99.90

172

Tubulação do sistema de recuperação do vapor de reabastecimento a bordo, fabricada com no mínimo 3 camadas de polímero; com ou sem conector, abraçadeira e junta; com pressão de trabalho de -10,7 KPa a 20,7 KPa, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a +80 Graus Celsius, com peso de 0,070 kg a 0,200 kg; aplicada em veículos automóveis de passageiros.

8708.99.90

173

Tubulação para transporte de uréia em material plástico, comprimento linear entre 1756 mm a 1782 mm, possui aquecedor em uma de suas extremidades com potência linear de 12 volts, fixada no tanque de uréia no lado direito do veículo próximo ao sistema de exaustão, com peso aproximado de 0,170 kg.

9025.19.90

008

Sensor de temperatura, tensão de trabalho de 24 V, corpo em aço, possui um conector plástico de três vias com três terminais metálicos para contato elétrico; funcionamento elétrico por meio de dois termistores para medição da temperatura; temperatura de trabalho entre -40 graus Celsius a +130 graus Celsius; comprimento de 61 mm e rosca cônica em uma das extremidades.

 

 

9026.10.19

004

Sensor de fluxo de ar com diafragma, peso entre 50 e 55 g, posicionado em um módulo eletrônico dotado de circuito impresso para gerenciamento eletrônico, equipado com medidores de temperatura e pressão, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a 120 Graus Celsius, voltagem nominal 14 V, com capacidade de medir vazão em massa de ar nominal de 640 Kg/h direcionada para o interior de motores a combustão.

9026.10.29

002

Sensor para medição de nível e temperatura do óleo localizado na caixa de mudanças de veículos pesados de transporte de pessoas e cargas através de pulsos ultrassônicos, enviando sinais de saída via PWM, fabricado em plástico de engenharia, com tensão de operação entre 11900 e 12100 mV, temperatura de operação entre -40 Graus Celsius e 150 Graus Celsius.

9026.20.90

030

Sensor de pressão de combustível utilizado na flauta do sistema de injeção direta de combustível de motores de combustão interna ciclo Otto, com pressão de operação máxima de 35 MPa, com tensão de operação de 5 V podendo variar para mais ou para menos 0,25 V, com temperatura de operação de -30 Graus Celsius a + 130 Graus Celsius.

9026.20.90

031

Sensor de pressão para controle de malha do sistema do freio motor instalado no coletor de exaustão, faixa de medição de pressão entre 0 bar(g) a 8 bar(g) e tensão de trabalho de 0,3 V a 4,7 V.

9026.20.90

032

Sensor eletrônico de monitoramento da pressão de combustível/líquido de arrefecimento do motor com pressão de trabalho de 0 a 15 bar, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a 125 Graus Celsius, para aplicações em motores diesel.

9026.20.90

033

Sensor eletrônico para medição do nível de óleo e temperatura do cárter de motores diesel, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a 150 Graus Celsius e faixa de medição de nível a partir de 70 mm de comprimento na haste.

9026.20.90

034

Sensor piezoresistivo de pressão diferencial, temperatura de trabalho entre -40 a +150 graus Celsius, tempo de resposta menor que 1ms, pressão de trabalho de 0 a 100 kPa e comprimento de 75 mm.

9027.10.00

194

Sensor resistivo de material particulado eletrônico, tensão de trabalho de 12 volts, corpo em aço, possui um conector de quatro vias com quatro terminais metálicos para contato elétrico; funcionamento por meio de uma central elétrica; comprimento de 276,3 mm e uma rosca em uma das extremidades.

9027.80.99

535

Sensor para medição da composição do combustível (taxa de etanol) em veículos equipados com motores FLEX a combustão interna, possui eletrodos para medir condutividade elétrica, temperatura e constante dielétrica do combustível, com resolução de saída de 0.1% de volume de etanol (0.1 Hz), incerteza absoluta em +- 5% e com capacidade de operar entre -40 Graus Celsius a 140 Graus Celsius e com medias entre 95 mm x 71,2 mm x 28,5 mm.

9029.90.10

019

Ponteiro do indicador de velocidade e tacômetro, com cavidade interna própria para passagem de feixe de luz, munido de suportes e fixadores, composto de materiais termoplásticos BS, PMMA, PC ou PP, com dimensões variando de 13,6 a 20 mm de largura, 21 mm a 24,5 mm de comprimento, 50 mm a 70 mm de altura e peso de 2,7 g a 4,5g, próprios para aplicação em paineis de instrumentos para veículos automóveis.

9030.89.90

061

Unidade de gerenciamento eletrônico do acumulador elétrico, partes em aço galvanizado, ligas de alumínio e plástico, dimensões de 625 mm x 444 mm x 167 mm, peso 18,5 kg, secção de alta tensão 800 V, secção de baixa tensão variável de 16 V a 32 V, corrente 150 A, corrente de baixa tensão de 0,2A a 44A, temperatura de operação variável de -30 Graus Celsius a 65 Graus Celsius, grau de proteção IP6K9K, placa de comunicação com a rede CAN, aplicada em ônibus elétrico.

9031.80.99

102

Módulo eletromecânico composto por estrutura central mecânica e combinação de sensores, aplicado na coluna de direção de veículos automotores, com função de fornecer a exata posição de giro do volante para a central de controle eletrônico (ECU) do veículo, transmitir informações para o sistema de airbag do volante e para retransmitir o sinal de acionamento da buzina, com tensão nominal de trabalho de 12 V, corrente nominal de 20 mA e temperatura de trabalho entre -30 Graus Celsius e +85 Graus Celsius.

9031.80.99

103

Sensor de velocidade, com carcaça fabricada em LCP, utilizado para medir a rotação do conjunto eixo rotor de turboalimentadores de ar, com rotações de até 300.000 rpm, por meio de alterações na relutância magnética, aplicado em ambientes com temperaturas de -40 a 250 Graus Celsius, peso de 0,02 a 0,1 Kg.

9031.80.99

104

Sensor eletrônico de leitura de frequência proporcional de velocidade de rotação de posição do eixo comando de válvulas, de utilização nos eixos comandos de admissão e de escape, com tensão de trabalho 4,75 a 5,25 V, corrente nominal de 10 mA e temperatura de trabalho entre -40 Graus Celsius e +135 Graus Celsius.

9032.89.11

009

Regulador de voltagem eletrônico composto de capacitores, chip e peças plásticas injetadas e terminal B+ posicionamento de 63,2 mm (+ - 0,3 mm) e 25 mm (+ - 0,3 mm) em relação ao ponto de referência A e ponto de fixação B posicionado a 79 mm (+ - 0,1 mm) e 4,4 mm (+ - 0,1 mm) em relação ao ponto de referência A e fixação da fase posicionado a 8,2 mm (+ - 0,1 mm) e 11,7 mm (+ - 0,1 mm) e parafuso M5 deve estar posicionado a 60,9 mm (+ - 0,5 mm) e 11,4 mm (+ - 0,5 mm) com tensão de regulagem de 14,6 V (+ - 0,6 V) e compensação de temperatura (Tk) de -10 mV/K (+ - 2 mV/K).

9032.89.11

010

Regulador de voltagem eletrônico composto de capacitores, chip e peças plásticas injetadas e terminal B+ posicionamento de 63,2 mm (+ - 0,3 mm) e 25 mm (+ - 0,3 mm) em relação ao ponto de referência A e ponto de fixação B posicionado a 79 mm (+ - 0,1 mm) e 4,4 mm (+ - 0,1 mm) em relação ao ponto de referência A e fixação da fase posicionado a 8,2 mm (+ - 0,1 mm) e 11,7 mm (+ - 0,1 mm), conector com 3 pinos sendo que o centro do conector está a 52,9 mm (+ - 0,1 mm) do ponto de referência A, tensão de regulagem de 14,6 V (+ - 0,6 V) e compensação de temperatura (Tk) de -10mV/K (+ - 2 mV/K).

9032.89.23

024

Unidade de controle eletrônico - GSC, para uso em veículos comerciais pesados movidos a gás GNV ou GNL para o transporte de cargas ou pessoas, com tensão de alimentação de 24 V, com 2 ou mais conectores de 75 pinos ou mais, pesando entre 660 e 710 g, constituída de carcaça de aço com capa de plástico de engenharia, equipada com funções de autodiagnóstico e conectada à rede CAN, com controle dos atuadores e leitura dos sinais dos sensores do sistema de controle de suprimento de combustível incluindo válvulas dos sistemas de alta e baixa pressão bem como nível do tanque de combustível, sensor de colisão e controle da válvula de segurança, e processamento de sinais.

9032.89.29

178

Amplificador de sinais elétricos oriundos dos componentes do sistema de ar condicionado automático do veículo, módulo composto de 2 conectores, um deles TH40HGY de 40 vias e outro TH40HB também de 40 vias, tensão de operação entre 8 V a 12 V, temperatura de operação de -40 Graus Celsius até 85 Graus Celsius e corrente máxima de 3,0 A, dimensões aproximadas de 135 mm x 109 mm x 32 mm e peso aproximado de 308 gramas.

9032.89.29

179

Conector de link de dados (DLC) para conexão de diagnóstico multipinos para interface da ferramenta de varredura com módulos de controle do veículo automotor no acesso a diagnósticos de bordo e fluxos de dados online, permite troca de mensagens entre módulos de uma rede CAN para outra, possibilita a comunicação entre módulos, com duas interfaces de hardware padronizadas com protocolo SAE J1962, conector IP side com 24 pinos, OBDII side com 16 vias e tensão de 13,5 Volts.

9032.89.29

180

Controlador eletrônico de estabilidade do veículo (ESP), tensão nominal de trabalho de 24 V, corrente máxima de 200 mA, temperatura de trabalho variável -40 Graus Celsius a 80 Graus Celsius, peso máximo de 0,300 kg, e grau de proteção IP6K7, comunicação via rede CAN, aplicado em caminhão e ônibus.

9032.89.29

181

Módulo automático com câmera de vídeo frontal, fixado na região superior do para-brisa, no interior do veículo, de dimensões 59,3 x 87,3 x 30,25 mm e peso aproximado de 88 g, tensão de operação de 9 V a 16 V, consumo de corrente de 190 mA a 355 mA em 13,5 V, temperatura de operação de -40 Graus Celsius a +85 Graus Celsius, tem função principal de detectar as faixas das rodovias, objetos e obstáculos que se encontram ao seu redor e permitir ao módulo executar as funções de assistência de mudança de faixa (Lane Departure Warning e Lane Keep Assist), comutação automática de faróis (Auto High Beam), detecção de placas de velocidade (Traffic Sign Recognition), detecção de fadiga do motorista (Drowsy Driver Detection) e, em conjunto com o radar frontal, as funções de frenagem autônoma de emergência (Autonomous Emergency Braking) e piloto automático adaptativo (Adaptive Cruise Control).

9032.89.29

182

Módulo eletrônico com função de distribuir o sinal elétrico das funções dos chicotes, composto por carcaça plástica (PA6 GB GF 20 10), placa de circuitos e conectores de 26, 22, 12, 8, 6 e 4 pinos, sendo cada conector responsável por uma função de ajuste e/ou regulagem em banco automotivo, pesando 180 g e com dimensões de 112 mm x 181 mm x 27 mm.

9032.89.29

183

Módulo eletrônico gerenciador do sistema de controle de cruzeiro adaptativo e frenagem autônoma, munido de radar de ondas de rádio na frequência de 77 GHz com modulação FMCW para detecção de objetos à frente, com antenas de emissão e receptação do sinal, opera em 12 V, com comunicação integrada com a câmera frontal, comunicação via CAN, capaz de identificar veículos até à 160 m de distância.

9032.89.29

184

Módulo eletrônico para gerenciamento do sistema de SVM (Surround View Monitor), com comunicação integrada à central multimídia e ao painel de instrumentos, comunicação via CAN-Low e CAN-High, com 3 conectores coaxiais para recebimento dos sinais de 4 câmeras (dianteira, traseira, esquerda e direita), alimentação nominal em 12 V, com placa de circuito impresso de 8 camadas.

9032.89.29

185

Unidade de controle eletrônico (ECU) do sistema de controle da articulação (ACS) para tensão de alimentação de 24 V, dotada de 3 portas de conexão com 12 a 21 pinos para alimentação e comunicação via CAN (Controller Area Network) com os sensores e válvulas do sistema de articulação para veículos comerciais pesados de transporte de passageiros (ônibus articulados).

9032.89.29

186

Unidade de controle eletrônico (ECU) do sistema de controle da articulação (ACS) para tensão de alimentação de 24 V, dotada de 6 portas de conexão com 6 a 21 pinos para alimentação e comunicação via CAN (Controller Area Network) com os sensores e válvulas do sistema de articulação para veículos comerciais pesados de transporte de passageiros (ônibus articulados).

9032.89.29

187

Unidade de controle eletrônico da caixa de transmissão automática, responsável pela mudança de marchas, integra também funções do gerenciamento do motor com ignição e injeção, exclusivo para motores 2.0, com placa de circuito com trilha de cobre laminada em Clad, dimensões aproximadas de 282 x 200 mm.

9032.89.29

188

Unidade de gerenciamento de EVP(Bomba de vácuo eletrônica), com peso igual ou inferior a 0,5 kg, composta por placa de circuito impresso, conector elétrico de 20 a 40 terminais, memória, software dedicado, equipadas com uma unidade eletrônica de dados e componentes eletrônicos, com operação entre 10 V a 16 V, temperatura entre -40 Graus Celsius a +80 Graus Celsius e corrente máxima de 200 mA, utilizada em veículos automóveis de passageiros.

9032.89.29

189

Unidade de gerenciamento de sistema de ar condicionado, composto de encapsulamento em matéria prima PBT-GF30, placa de circuito impresso, 1 conector elétrico de 24 pinos, 1 conector elétrico de 20 pinos, software dedicado, com operação entre 10 V a 16 V, temperatura de trabalho entre -30 Graus Celsius a +80 Graus Celsius e corrente máxima de 200 mA, comunicação B-CAN e LIN, com peso de 0,12 kg a 0,15 kg, utilizado em veículos automóveis de passageiros.

9032.89.82

026

Sensor do tipo eletrônico, conectado a válvula termostática da bomba de combustível, com função de controlar a temperatura, com faixa de trabalho de 5 V de tensão nominal, altura total de 58 mm, diâmetro máximo de 25,4 mm, a base de plástico poliamida e conectores em latão, com massa total de 0,014 kg, e resistência a isolação maior que 100 miliohms por 100 V.

9032.89.90

009

Controlador do Sistema de gerenciamento de baterias (BMS - Battery Management System), gerencia o carregamento e descarregamento dos conectores de potência da bateria, limita a potência, detecta a corrente e monitora a temperatura da bateria.

9032.89.90

010

Módulo eletrônico de gerenciamento dos sistemas de máquinas agrícolas, com funcionalidade de "bridge" e concentrador das informações da rede de comunicação CAN-Bus, com bootloader desenvolvido para arquitetura eletrônica proprietária, composto por carcaça em alumínio, 154 pinos (6 pinos de alimentação e 148 de dados) e nível de proteção IP69K, temperatura de operação entre 30 Graus Celsius e 90 Graus Celsius.

9032.89.90

011

Unidade de gerenciamento eletrônico, com interface de comunicação CAN, aplicada em colhedoras de cana de açúcar, para o controle de todo o sistema de colheita e iluminação da máquina, com entradas e saídas digitais e analógicas, controle de corrente para o sistema de iluminação e solenoides, tensão de alimentação 12 V, suporta range de temperatura ambiente de -40 Graus Celsius a +105 Graus Celsius, com dois conectores MOLEX de 52 terminais de entrada/saída, um conector MOLEX de 48 terminais de entrada/saída e um conector AMPHENOL de 1 terminal de entrada/saída.

9032.89.90

012

Unidade eletrônica de controle, com interface de comunicação CAN, aplicada no sistema de direção e propulsão de máquinas agrícolas autopropulsadas, dotada de entradas digitais com capacidade de leitura de sinais e frequência emitidas pelos sensores, de saídas digitais e com controle de corrente para os solenoides, tensão de alimentação 12 V, temperatura de operação de -40 Graus Celsius a 75 Graus Celsius, com dois conectores MOLEX de 32 terminais de entrada/saída e um conector MOLEX de 48 terminais de entrada/saída.

9032.90.99

024

Sensor de pressão composto em polímero utilizado para medir a pressão do sistema de pós tratamento de gases de exaustão de motores diesel, para aplicação em produtos automotivos, faixa de operação: -3,75 KPAD à 6,25 KPAD.

9032.90.99

025

Sensor de rotação, com frequência de leitura de até 12 kHz, reconhecimento do sentido de rotação, comprimento total de 70,6 mm (+-0,5 mm), peso de 29,3 g a 30,6 g, temperatura de trabalho de -40 Graus Celsius a +150 Graus Celsius, consumo de corrente máxima de 20 mA, , largura do pulso tw (FWD) 38 micro segundos mínimo e 52 micro segundos máximo e tw (REV) 76 micro segundos mínimo e 104 micro segundos máximo, desenvolvido para aplicação nas transmissões automatizadas para veículos comerciais com 12 ou 16 marchas.

9032.90.99

026

Sensor fotossensível para detecção de condição climática e luminosidade, com tensão nominal de operação de 13.5 V e corrente de 10 a 50 mA.

9401.90.90

088

Ajustador de posição vertical para bancos automotivos, com mecanismo interno complexo formado por engrenagens e por componentes manufaturados em processos de injeção e estampagem, possui dimensional com diâmetro de 50 mm, profundidade de 54mm e altura média de 54mm, contendo encaixe interno para alavanca de movimentação, utilizado em bancos dianteiros automotivos.

9401.90.90

089

Ajuste lombar, com corpo principal desenvolvido em poliacetal com carga de fibra de vidro, com dimensional de 508 mm de altura por 268 mm de largura, e peso de 0,8954375 Kg, composto por um conjunto mecânica e circuito elétrico de 12,5 Volts e possui a função de conforto à lombar do ocupante.

9401.90.90

090

Dobradiça articulável com trava, composto de sistema especial interno de travamento mecânico desenvolvido por molas e pinos de posicionamento, com resistência a destrave de 4.053 N, com 4 ângulos de ajuste e posicionamento, desenvolvida em aço-liga estampado, nervurado e rebitado, possui um braço articulável de comprimento de 450 mm, e uma base rebitada ao braço de aproximadamente 87 mm, aplicado em assentos de bancos automotivos traseiros.

9401.90.90

091

Dobradiça articulável com trava, composto de sistema interno de travamento mecânico desenvolvido por molas e pinos de posicionamento, com resistência a destrave de 4,053 kN, com 4 ângulos de ajuste e posicionamento, fabricada em aço-liga estampado, nervurado e rebitado, com um braço articulável de comprimento de 450 mm e uma base rebitada ao braço de aproximadamente 87 mm, aplicado em assentos de bancos de veículos automóveis de passageiros.

9401.90.90

092

Estruturado metálico com ajustador do ângulo de altura em até 60 mm, ajustador de distância em até 260 mm e ajustador de inclinação de até 6 graus com 2,8 graus para baixo e 3,2 graus para cima do banco dianteiro, apresentando dimensional de 653 mm de comprimento, 498 mm de largura e 200 mm de altura, com atuadores elétricos integrados de 13 volts, corrente máxima de até 5 amperes e rotação entre 10 e 14,7 RPM.

9401.90.90

093

Guia auxiliar para haste de apoio de cabeça desenvolvido em resina polimérica em polipropileno com carga e apresenta dimensional de 65,3mm de comprimento, diâmetro externo de 14mm, com peso de 0,016Kg, processado através de injeção de polímero, esta é montada em bancos automotivos.

9401.90.90

094

Guia principal para haste de apoio de cabeça desenvolvido em resina polimérica em polipropileno com carga e apresenta dimensional de 65,3 mm de comprimento, diâmetro externo de 14 mm, adicionado de mecanismo acionador com chapa de aço de médio carbono, processado através de sobre injeção, usada para movimentação vertical do apoio de cabeça de bancos automotivos.

9401.90.90

095

Haste de travamento do encosto do banco traseiro, com peça processada por estampo em aço-liga, arame processado por dobra em aço-liga, rebitagem especial orbital com resistência a extração de 8000 Newtons, finalizado com tratamento superficial em zinco cor preta para garantir os esforços solicitados, com dimensional da base 79,0 mm de largura e 98,0 mm e dimensional da haste 33,0 mm de largura e 101,0 mm de altura, com peso de 0,211 Kg, montado na coluna C do veículo automotivo.

9401.90.90

096

Haste de tubo circular dobrada e entalhada através do processo de estampagem, confeccionado em tubo de aço-liga especial com resistência mecânica à tração de no mínimo 650 MPa, com acabamento em cromo (Cr) ou zinco branco (Zn), possui dimensão de 207,0 mm de altura, 140,0 mm de comprimento e espessura de parede constante de 2,0 mm ao longo do tubo e nos entalhes 1,3 mm, com peso de 0,366 Kg, utilizado como estrutura principal do apoio de cabeça aplicado em bancos automotivos.

ANEXO II

LISTA DE AUTOPEÇAS GRAFADAS NA NOMENCLATURA COMUM DO MERCOSUL COMO BENS DE CAPITAL OU BENS DE INFORMÁTICA E TELECOMUNICAÇÃO

 

 

NCM

Nº Ex

DESCRIÇÃO

8408.90.90

082

Motor de combustão interna a pistão e ciclo diesel utilizado em máquinas autopropulsadas, de 4 tempos, de 4, 6 ou 8 cilindros refrigerados a água, de ignição por compressão e injeção direta, com sistema de injeção eletrônica de combustível PLD ou Common Rail, dotados de turbocompressor e comando eletrônico, com nível de emissões Tier 3/StageIIIA ou acima, com potência variando de 104 kW a 400 kW, com rotação nominal variando de 1800 a 2400 rpm.

8408.90.90

083

Motores de ignição por compressão, diesel, de 4 tempos, arrefecido a água de injeção direta, 4 cilindros, cilindrada de 3,26 litros, potência variando de 68 kW até 73 kW, rotação nominal de 2200 rpm, com sistema de injeção eletrônica common rail, dotado de silencioso, turbocompressor, motor de arranque, alternador, ventilador de resfriamento, filtro de combustível e filtro de óleo, com nível de emissão de poluentes Tier3, para aplicação em escavadeira hidráulica.

8412.21.10

003

Cilindro hidráulico, composto por um cilindro de dupla haste ligando a outra parte com duas molas internas, possui velocidade máxima de atuação de 4,5 m/min, pressão máxima de trabalho de 210 bar, com terminal rotulado auto lubrificante nas duas extremidades, conjunto do corpo e hastes fabricado em aço de alta resistência e com vedações de polímero, específico para uso em máquinas agrícolas.

8412.21.90

077

Motor hidráulico de eixo inclinado com deslocamento variável, rotação bidirecional de circuito hidráulico fechado, deslocamento volumétrico 250 cc/rev, pressão máxima 450 bar, potência de entrada 287 kW, eixo estriado de 15 dentes e passo 8/16 aplicado em tratores de esteiras.

8412.21.90

078

Motor hidráulico de pistão axial tipo eixo inclinado, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado, com deslocamento volumétrico de 150 cm³/rotação, torque máximo a 450 bar de 1089 Nm e pressão máxima de 500 bar para aplicação em colheitadeiras autopropulsada.

8412.21.90

079

Motor hidráulico de pistão axial tipo eixo inclinado, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado, com deslocamento volumétrico de 170 cm³/rotação, torque máximo a 450 bar de 1230 Nm e pressão máxima de 500 bar para aplicação em colheitadeiras autopropulsadas.

8412.21.90

080

Motores Hidráulicos de pistões axiais de placa inclinável com angulação entre 9 graus e 20 minutos e 15 graus e 54 minutos, deslocamento volumétrico variável compreendido entre 55 e 95,4 cm3/revolução, pressão máxima de 480 kgf/cm2, vazão máxima de 162 l/min, rotação máxima compreendida entre 1647 e 2857 rpm, conjugado a um redutor planetário com relação de transmissão de 57, torque máximo de 31,63 kNm, para sistema de locomoção de máquinas autopropulsadas.

8412.29.00

027

Motor hidráulico de movimento orbital com rotação bidirecional, deslocamento volumétrico 312 cc/rev, fluxo contínuo de 40 GPM e fluxo intermitente de 225 GPM, torque continuo de 930 Nm e torque intermitente de 1355 Nm, pressão nominal de operação 225 bar, aplicado no sistema hidráulico dos rolos levantadores das colhedoras de cana de açúcar.

8412.29.00

028

Motor hidráulico de pistão axial com volume variável, deslocamento volumétrico entre 80 e 110 cc/rev, pressão máxima intermitente de 7000 Psi, torque 780 Nm e fluxo máximo de 0,00442m³/s, aplicado no sistema hidráulico de tração das colhedoras de cana de açúcar.

8413.50.10

065

Bomba hidráulica volumétrica alternativa de pistão axial, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado, pressão máxima de 450 bar, deslocamento volumétrico de 110 cc/rotação, potência máxima a 430 bar de 249 kW, torque máximo a 430 bar de 756 Nm e filtro de pré carga Beta 20 maior igual a 100 para colheitadeiras de cereais autopropulsadas.

8413.50.10

066

Bomba hidráulica volumétrica alternativa de pistão axial, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado, pressão nominal máxima de 450 bar, deslocamento volumétrico de 125 cc/rotação, potência máxima a 400 bar de 237 kW, torque máximo a 400 bar de 795 Nm e filtro de pré carga Beta 20 maior igual 100 para colheitadeiras de cereais autopropulsadas.

8413.50.10

067

Bomba hidráulica volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito aberto ou fechado, com pressão de trabalho superior a 170 bar, deslocamento volumétrico compreendido entre 85 e 145cm3/revolução e potência máxima compreendida entre 90 e 402 kW.

8413.50.10

068

Bomba volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito aberto sentido horário, deslocamento volumétrico 145cc/rotação, potência máxima de entrada 165 kW, pressão máxima 270 bar (+/- 3 bar), velocidade de 2250 rpm, vazão de no mínimo 316,1 L/min, eixo estriado com 17 dentes e passo 12/24 e torque máximo de entrada 1460 Nm, aplicada no sistema de transmissão hidráulica das pás-carregadeiras.

8413.50.10

069

Bomba volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado sentido horário, com deslocamento volumétrico de 75 cc/ver, pressão máxima de 440 bar, potência de entrada 192 kW, eixo estriado de 23 dentes com passo 16/32 aplicada no sistema de transmissão óleo-hidráulica de tratores de esteira.

8413.50.10

070

Bomba volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado sentido horário, deslocamento volumétrico 100 cc/rev, pressão máxima 440 bar, potência máxima de entrada 235 kW, eixo estriado de 23 dentes com passo 16/32, aplicado no sistema de transmissão óleo-hidráulica dos tratores de esteira.

8413.50.10

071

Bomba volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado sentido horário, deslocamento volumétrico 130 cc/rev, pressão máxima 420 bar, potência máxima de entrada 287 kW, eixo estriado de 13 dentes com passo 8/16, aplicado no sistema de transmissão óleo-hidráulica de tratores de esteira.

8413.50.10

072

Bomba volumétrica alternativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado sentido horário, deslocamento volumétrico 74 cc/rev, vazão de saída 133 L/min, pressão da válvula 276 bar, rotação 1800 rpm, eixo estriado com 14 dentes e passo 12/24, aplicada no sistema de transmissão óleo-hidráulica dos tratores de esteira.

8413.60.19

018

Bomba volumétrica rotativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito aberto, pressão nominal de 2600 Psi, deslocamento volumétrico de 60 cc/rotação, vazão máxima de 160 l/min e potência máxima de saída de 45 kW para aplicação no sistema hidráulico de acionamento de cilindros das colhedoras de cana-de-açúcar.

8413.60.19

019

Bomba volumétrica rotativa de pistões axiais, de fluxo variável para acionamento hidrostático em circuito fechado, pressão nominal de 400 bar, deslocamento volumétrico de 45cc/rotação, velocidade máxima de entrada de 2900 RPM e potência máxima de saída de 66440 W para aplicação em colhedoras de cana-de-açúcar.

8424.90.90

069

Caixa de transferência e redução final, para uso exclusivo em rodas de pulverizadores autopropelidos, com sistema de engrenamento de 2 estágios com engrenagens de dentes retos e epicicloidais, relação de redução total de 26,3:1, torque de saída máximo 10062 Nm a 31,3 rpm ou 2012 Nm a 145,5 rpm, com peso aproximado total entre 90 kg a 120 kg.

8424.90.90

070

Porta bicos com acionamento pneumático com atuador, máxima pressão de funcionamento de 10 bar, vazão máxima de 7,6 litros/minuto a uma pressão de 5 PSI, utilizado em pulverizadores autopropelidos.

8424.90.90

071

Porta bicos elétrico com atuador, alimentação de 12 VDC e consumo de corrente de 150 mA, com feedback e rede LIN BUS, máxima pressão de funcionamento de 10 bar, vazão máxima de até 7,6 litros/minuto a uma pressão de 5 PSI, utilizado em pulverizadores autopropelidos.

8424.90.90

072

Redutor hidráulico de roda com freio dinâmico com rotação de entrada entre 820 a 3830 rpm, com cilindrada entre 60 a 12cc/rev, relação de 1:26,3, máxima pressão de óleo de 448 bar, torque de saída entre 10060 a 2015 Nm e rotação de saída entre 31 a 146 rpm, montado em carcaça de ferro fundido com peso total aproximado de 100 Kg, para uso em pulverizadores agrícolas.

8433.90.90

039

Tubo para componentes de colheitadeira com as seguintes dimensões aproximadas: comprimento de 4275 mm, diâmetro externo de 323,9 mm e espessura de 5,3 mm, matéria prima P235TRI EN10217-1.

8479.89.99

865

Acumuladores hidráulicos de aço, de formato cilíndrico, pressão máxima de 100 bar, volume de 0,5 L, peso de 2,4 kg, diâmetro de 60 mm e comprimento de 302 mm, aplicada em sistema hidráulico de pá carregadeira de rodas.

8481.20.90

112

Bloco de válvulas para transmissão de óleo hidráulico, tipo cartucho, pressão máxima de 210 bar e vazão controlada de 0,5 l/min para cada um dos atuadores, com controles por válvula direcionais do tipo "on-off", comandadas por solenoides com tensão de 12 V e conectores tipo Deutsch, utilizado em máquinas agrícolas.

8481.20.90

113

Bloco de válvulas para transmissão de óleo hidráulico, tipo cartucho, pressão máxima de 210 bar e vazão máxima igual ou inferior a 60 l/min, com controles por válvula "on-off" e proporcionais, comandadas por solenoides com tensão de 12 V e conectores tipo Deutsch, próprias para direcionar o fluxo de óleo para os atuadores dos sistemas da máquina agrícola.

8481.20.90

114

Conjunto de válvulas utilizado no sistema de transmissão óleo-hidráulico para comando das funções da máquina escavadeira do solo, com corpo dotado de 6 a 10 carretéis principais, temperatura admissível do óleo hidráulico entre -20 Graus Celsius e + 95 Graus Celsius, com vazão máxima igual ou superior a 110 litros por minuto, mas igual ou inferior a 526 litros por minuto, com pressão de alívio principal igual ou superior a 32,4 MPa, mas igual ou inferior a 36,3 MPa e pressão de alívio em sobrecarga igual ou superior a 34,8 MPa, mas igual ou inferior a 37,8 MPa.

8481.20.90

115

Pedal de freio equipado com cilindro mestre e sensor de ângulo incorporado para informar posição do pedal e a velocidade da frenagem para o software da máquina, sensor com tensão máxima de 5 V e 20 mA, com uma entrada de óleo com pressão máxima de entrada de 172,4 bar, uma saída com pressão máxima de 44,8 bar ajustada para trabalho e uma linha para liberar excesso de óleo ao tanque do veículo.

8481.20.90

116

Válvula para transmissão óleo-hidráulica, com corpo fabricado em aço, com pressão máxima de trabalho igual a 25.000 kPa, vazão máxima igual a 114 L/min, com aplicação em máquinas rodoviárias.

8481.20.90

117

Válvulas de transmissão hidráulica direcional, com corpo de aço, pressão de 12,2 Kg/cm2, peso de 3,8 Kg, comprimento de 160 mm, altura de 83 mm, largura de 65 mm, aplicada na linha do sistema de direcionamento da pá carregadeira de rodas.

8481.80.95

034

Válvula direcional não proporcional para transmissão hidráulica (calda para pulverização) com alimentação de 12 VDC e feedback, utilizado em pulverizadores auto propelidos, composta por uma seção de tubo para passagem do fluido e uma carcaça para alojamento da válvula esférica e do atuador elétrico, pressão máxima de funcionamento de 150 Psi.

8481.80.99

108

Válvulas hidráulicas com corpo de alumínio fundido, acionada por pistão e mola, tipo by pass, com sensor de curso acoplado, pressão máxima de 0,41MPa, vazão de 400L/Min., aplicada na linha de retorno do tanque hidráulico da escavadeira hidráulica.

8483.40.10

323

Caixa de transmissão dotada de redutor de velocidade e embreagem acoplada, com redução de [i] = 1,22 e potência de 181 kW, própria para aplicação na transmissão da energia mecânica da máquina motriz para o tambor de fresagem de máquinas fresadoras de asfalto.

8483.40.10

324

Caixa de transmissão dotada de redutor de velocidade, com redução de [i] = 14,3 e potência de 161 kW, própria para fazer variar a relação de transmissão entre a polia e o tambor de fresagem das máquinas fresadoras de asfalto.

8483.40.10

325

Conjunto redutor de 3 eixos montado em carcaça fundida em alumínio pesando aproximadamente 79 kg, com rotação de entrada de até 1374 rpm com especificação de engate tipo coroa 1-3/4polegadas de 20 dentes com potência de entrada 100 kW e saída nos eixos perpendiculares de relação 1,53:1, específico para colheitadeiras agrícolas.

8483.40.10

326

Eixo de acionamento com diferencial, contendo carcaça de ferro fundido e freio acoplado internamente, rotação máxima na entrada de 3600 rpm, torque máximo de 2900 Nm e relação de redução de 21,53:1, aplicado em pás carregadeiras de rodas.

8483.90.00

063

Alojamentos de ferro fundido com processos de usinagem, furos roscados, ressaltos e orifícios para alojamento de componentes de transmissão mecânica, peso de 13,5 kg, largura de 357 mm, altura de 325,5 mm, profundidade de 137 mm, aplicado na montagem da caixa de transferência do sistema de transmissão da pá carregadeira de rodas.

8483.90.00

064

Comando final da escavadeira hidráulica, fabricado em ferro fundido, dotado de um motor hidráulico de pistão axial e de deslocamento volumétrico variando de 70 a 140 cm3 por revolução, dotado de engrenagem de redução planetária e com diâmetro variando de 380 mm a 610 mm.

8483.90.00

065

Conjunto de giro do chassi superior, com aplicação em máquinas escavadeiras, sem motor hidráulico acoplado, em ferro fundido, velocidade de rotação igual ou inferior a 13,5 rpm, torque de giro igual ou inferior a 145 kNm, módulo igual ou inferior a 16 e número de dentes igual ou inferior a 14, diâmetro externo igual ou inferior a 592 mm.

 

 

8483.90.00

066

Grupo do comando final, com corpo em aço fundido, dotado de engrenagem de redução planetária, para aplicação em máquinas rodoviárias, com comprimento total entre 531 mm e 403 mm, diâmetro externo igual ou inferior a 533 mm e peso igual ou inferior a 278 kg.

8483.90.00

067

Roda dentada, fabricada em aço liga, para acionamento da corrente da esteira, com diâmetro externo igual ou inferior a 812 mm, comprimento entre 57 e 80 mm, com 21 ou 23 dentes e com aplicação em escavadeiras hidráulicas.

8517.62.94

018

Módulo eletrônico para telemetria de máquinas agrícolas, programável, para coleta de dados do veículo e comunicação com servidor de dados de telemetria, com grau de proteção IP66, dotado de duas entradas e duas saídas digitais protegidas contra curto-circuito e sobre-tensão, GPS de alta sensibilidade, seis interfaces CAN SAE/ISO, uma interface serial RS232, comunicação Wi-Fi e GSM 4G LTE na banda 28 com SIM Card, com opcionais para SIM Card do tipo eSIM, comunicação 433 MHz e satelital (Iridium), Ethernet IEEE802.3 BASE-T e saída digital adicional, a carcaça do módulo pode ser em alumínio ou plástico, a alimentação é de 9 V a 18 V com proteções elétricas automotivas.

8531.20.00

035

Painel com tela policromática de 7 polegadas em cristal líquido (TFT LCD) e carcaça de acabamento em composto polímero com design específico, próprio para demonstrar em tempo real parâmetros de operação da máquina, dotado de sistema operacional embarcado, operação continua acionada por contato de chave, voltagem de trabalho de DC 10 V (+/-0.5 V), temperatura de uso em -30 Graus Celsius a 60 Graus Celsius, com LED vermelho piloto para alerta de alarme e com saída de ar de ventilação da cabine integrada.

8536.50.90

106

Alavancas de comando composta de haste de aço, protetores de plástico, coifa de plástico, provida de manipulo de plástico com interruptor elétrico para sistema elétrico de 24 Volts para acionamento da buzina, tem a função de comandar o equipamento de trabalho e lança do equipamento de trabalho através da manipulação da alavanca, aplicada em máquinas autopropulsadas.

8536.50.90

107

Comutador do tipo joystick, para acionamento dos comandos hidráulicos, com interruptor elétrico para tensão máxima de até 150 V, com até 550 Hz de frequência, para aplicação em máquinas rodoviárias.

8708.29.19

006

Painel de até 16 teclas do tipo "push button", microprocessado, com iluminação em LED do estado de acionamento, para acionamento das funções de iluminação da máquina agrícola, com interface CAN-Bus proprietária, possui um conector de interface com o veículo, com alimentação nominal em 12 V.

9015.80.90

073

Estação meteorológica com sensores que coletam informações climáticas locais através de protocolo proprietário, composto de um mastro contendo sensor ultrassônico de velocidade e direção do vento, barômetro, sensor de umidade, GPS e cabo com interface RS232, para aplicação em máquinas agrícolas.

9031.80.40

001

Computadores de bordo, com tela de LCD de 7 polegadas, protegido por tampas de plástico e tampa traseira de liga de alumínio fundido, provido de botões de controle integrado, podendo conter de 4 a 5 portas de conexão, com 58 ou 68 pinos de entradas e saídas de dados, com componentes eletrônicos e memória, peso de até 2,8kg,tensão de alimentação de 12 volts, visualiza os dados até 15 idiomas, para indicação da temperatura do motor, temperatura do óleo hidráulico, modo de operação, consumo de combustível, velocidade de deslocamento, indicador ecológico, indicador de anomalia, temperatura de operação de -30 Graus Celsius a 70 Graus Celsius, aplicado em cabine de operação de máquinas autopropulsadas.

9031.80.99

105

Conjunto de sensores do sistema de direção de máquinas agrícolas autopropulsadas, dotado de 4 sensores PWM e 2 sensores analógicos com uma mola centralizadora e com tensão de alimentação de 5 V.

9031.80.99

106

Sensor de ângulo automotivo, por efeito hall sem contato, com saída de sinal por corrente, tensão de operação de 10 V a 30 V CC, temperatura de operação de -40 Graus Celsius a 85 Graus Celsius, proteção contra transientes e grau de proteção (IP67), para aplicação em máquinas agrícolas.

9032.89.29

190

Central elétrica microprocessada com tensão de alimentação de 9-16V, software proprietário e comunicação CAN-Bus e Lin-Bus que alimenta e protege os circuitos elétricos da máquina agrícola, com proteção para sobrecarga (resistência a surtos de 26V por 5 min) e curto circuito, grau de proteção IP6K6, central disposta em uma base com dimensão aproximada de 221 x 190 mm com 8 conectores para interface com o veículo e 1 pino terminal para alimentação de potência.

9032.89.29

191

Unidades de controle eletrônico para controle e monitoramento de múltiplas funções de maquinas pá carregadeira de rodas, provida de componentes eletrônicos, protegida por carcaça de alumínio fundido e tampa de aço laminado, contendo 1 porta de conexão com 40 pinos de entradas e saídas de dados, controlada por meio de software especifico, com peso de 1,58kg, controla e monitora a velocidade e inversão do sentido de rotação do motor hidráulico do ventilador do sistema de arrefecimento, sistema de controle de velocidade de deslocamento, força de tração, freio de estacionamento e sistema de suspensão eletrônica, com comunicação CAN e autodiagnostico de falhas.

9032.89.83

009

Aparelho de medição de umidade dotado de sensor do tipo lâmina, com captação de informações através de ressonância de micro-ondas, com precisão de +/-2 % e repetição de 1hz, para controle automático de processos, pesando aproximadamente 7kg, com memória interna com capacidade de armazenar até 5 diferentes curvas de calibração, para uso em máquinas agrícolas.

9032.89.89

065

Controladores eletrônicos (unidades de controle) para monitores utilizados em cabines de operação de máquinas escavadeiras, automáticos, com tratamento antiferrugem, com tensão de 24V, com corpo blindado, utilizados para fazer a leitura e a interpretação de dados obtidos através de controladores eletrônicos diversos, possibilitando a demonstração, em tempo real, de informações como temperatura do motor, temperatura do óleo hidráulico, velocidade de rotação do motor, consumo de combustível, dentre outros.

9032.89.89

066

Unidade de comando eletrônica para controle e gerenciamento de dados coletados em sensores e atuadores com software dedicado, possui entradas e saídas digitais e analógicas e PWM (Pulse Width Modulation - Modulação por Largura de Pulso), redes de comunicação Canbus 2.0, unidade de processamento, memoria volátil e não volátil, circuitos de potência, alimentação padrão 8 V a 32 V com resistência a surtos, proteção contra curto circuito, inversão de polaridade, usado em sistemas de controle do levante hidráulico traseiro e da tomada de potência de máquinas agrícolas.

Este conteúdo não substitui o publicado na versão certificada. RESOLUÇÃO GECEX Nº 150, DE 1º DE FEVEREIRO DE 2021

Fim do conteúdo da página